Coleção pessoal de KelvinValentim

Encontrados 5 pensamentos na coleção de KelvinValentim

Quando estamos apostando, olhamos os nossos adversários na mesma altura e lá já não interessam se as fichas são negras ou não.

Kelvin Valentim
1 compartilhamento

Mas, amar o Caleb não me concederia a certeza de reciprocidade; e foi o que aconteceu. A sinceridade dele, de que tanto me orgulhava, havia me dito que não me queria da mesma forma. E como um soco no estômago, eu perdi todo ar e um pouco de vida também.

Kelvin Valentim
1 compartilhamento

A gente, filhos de mãe solteira, aprende desde cedo a procurar o caminho mais curto para voltar para casa, nos permitimos a estipular as nossas próprias regras, nos tornamos os nossos protetores e, com o aprendizado da realidade, tentamos espelhar essa proteção para quem escolheu permanecer ao nosso lado, seja mãe, vó ou qualquer representante afetivo. A gente precisa amadurecer mais rápido, porque não poderíamos ter medo de bicho-papão, escuro ou trovões já que a única pessoa que tecemos confiança estava trabalhando para garantir a sobrevivência do filho que se tornou responsável. A gente é condicionado a fazer todas as coisas sozinho, o gosto da rejeição se desenvolve no nosso primeiro trauma e mesmo sem entender os motivos do fracasso conjugal, nos sentíamos profundamente incompletos. A gente se desequilibra, a gente cai, mas a gente não se quebra.

Kelvin Valentim
14 compartilhamentos

Pobre, negro e gay, eu estava lançado à própria sorte, enfileirado diante ao hostil tabuleiro como a mais frágil peça de um jogo de xadrez. Todavia, eu não estava jogando para ser capturado pelo time adversário e, sendo assim, ao tocar a oitava linha do extremo terreno rival, tornei-me uma rainha por mérito da minha própria estratégia. Mas quem disse que você precisa ser uma rainha para ser respeitada? De onde emanaram tantas certezas do que é ser bonito ou ideal? Uma rainha pode caminhar até onde ela quiser, mas são as torres que possuem movimentos especiais para servir ao rei, são os bispos que, exclusivamente, podem combinar a própria cor com as cores de suas casas e são os cavalos que, mesmo em seus quatro trotes, podem desviar da linha reta. Logo, por mais ínfimo que te façam sentir, lembre-se que peões sempre estarão em maior número e nada impede que, esses, destronem o rei. Ou seja, quem você é, precisa ser o bastante, e a todos aqueles que defenderem uma ideologia contrária a essa, deixe-os dentro da caixa; lá estarão confortáveis com suas rasas limitações de quem nem subiram ao jogo por medo da derrota.

Kelvin Valentim
1 compartilhamento
Tags: pobre negro

Eu sei que muitas vezes você acordou pela manhã e, ao colocar as calças, percebeu que os seus sentimentos estavam no fundo do bolso como fiapos de pano; e também sei daqueles dias em que o peso que você descansa sobre o seu travesseiro é tão esmagador, que não te deixa dormir a noite. Você esqueceu-se de viver, de se preocupar; nem reclama mais da chuva nas férias na praia, nem do mormaço noturno de verão nas intermináveis madrugadas, de quem é tão íntima. Esmorecendo-se, você foi apenas suportando, como se estivesse programado a dirigir-se sobre os mesmos trilhos. Entretanto, vale-se ressaltar que, os mesmos caminhos não oferecem novas paisagens e se o trem da sua vida estiver sendo governado por outro maquinista, já passou da hora de você pular do vagão.

Kelvin Valentim
1 compartilhamento
Tags: superação tristeza