Coleção pessoal de CastelhanoWolf

21 - 40 do total de 434 pensamentos na coleção de CastelhanoWolf

"Talvez... na verdade é, você está certo. Não escrevo sobre você, mas você sabe que eu te amo, não como todos amam mas da forma que aprendi a amar, sinceramente e presente, ficando feliz ao seu lado"

Castelhano

"De todas as personalidades que já tive essa é a mais louca e instável que conheço, e até mesmo com todos as controvérsias que ela apresenta ela faz parte de quem sou".

Castelhano

"Não estou triste nem feliz, o meu estado é estável, não sou melhor nem o pior estou sem classificação".

Castelhano

"Faça suas raízes serem profundas e fortes pois dessa forma nenhuma tempestade irá te derrubar".

Castelhano

"Ainda não sei porque, mas seu olhar entra no mais profundo lugar do meu ser, a sua voz me alegra e emociona, suas lágrimas me partem em mil pedaços, sua melancolia me contagia e sua alegria faz feliz o meu dia''.

Castelhano

"Não entendo você, por que agiu daquela forma? Eu sou apenas uma sombra, como me vistes? Como se dirigiu a mim? E ainda mais por que eu estou pensando em você?''

Castelhano

"Sua atitude foi admirável para comigo, me desculpe pois não fui recíproco, mas é sério foi inusitado isso e um tanto inesperado, sei que nem mil desculpas recompensariam, no entanto se eu lhe ver novamente irei faze-la sorrir''.

Castelhano

"Pensei em suas palavras, realmente cogitei fazer o que disse, mas isso não se encaixa no meu perfil".

Castelhano

Espero ter lhe ajudado
Desculpe se não foi o bastante
Mas tentei ajudar
Desculpe se o que fiz
Foi enfim falhar

Castelhano

Estudei para a prova
Numa noite qualquer
Usei meu lápis e escrevi
Formulas lá e explicações aqui
Ouvindo Mozart Beethoven
No máximo volume do headphone
Quando já ia dormir
Uma notificação recebi
Era alguém pedindo ajuda
Não havia recusa nenhuma
Então logo disse sim
Mas não sei, expliquei bem?
Não deu tempo de falar tudo
O silêncio deixou tudo mudo

Castelhano

"Eu só tenho errado muito e já faz tempo

...

me desculpe".

Castelhano

Eu vi e nada fiz
Eu olhei de novo
... é quase chorei
Mas percebi


Eu não posso ser

Castelhano

"Muitas vezes ninguém conhecerá nossos sentimentos''.

Castelhano

Sozinho

A verdade é que não sou
O que muitos dizem
As vezes nem sou o que penso
Muitas vezes me encontro
Dentro de um grande lamento
Achando que sou mil vezes pequeno
Eu olho para o lado, para cima
E vejo que estou embaixo
Mesmo que digam
Que sou bom em algo
Mesmo que eu veja pequenas conquistas
Me entristeço dentro de mim
Sei que nem sempre fui assim
Mas aconteceu, sou o que sou
O engraçado é as mudanças
As quais fiz e tento fazer
E talvez já há muito tempo
Me perdi no caminho
E até agora não consigo voltar
Acabei perdendo quem sou
Por isso tão sozinho estou

Castelhano

"Como seria nossas vidas se não tivéssemos nos conhecido? Pelo que sei eu não seria a pessoa que sou hoje, e não faço ideia se alguém poderia preencher o espaço que você ocupa na minha vida, pois você é insubstituível, não devo nem pensar muito nisso, mas a ideia que posso lhe perder faz com que eu dê ainda mais valor à ti".

Castelhano

"Para mim que busco explicações lógicas, e tento chegar a conclusões em pensamentos, o fato de ainda não entender um sentimento me intriga, corrói minhas veias e destrói alguns dos meus neurônios os quais se regeneram e voltam a ser usados para o mesmo propósito".

Castelhano

"Ainda não tenho certeza de quem sou, mas sei que sou eu e ninguém mais o é''.

Castelhano

''Sou o que sou, sou eu mesmo''.

Castelhano

''Me chamaram de muito velho pela idade a qual eu tenho, disseram que sou maduro de mais para minha faixa etária, afirmaram que sou um jovem diferente, pensaram que considero meu conhecimento absoluto, que eu ajo e falo como se tivesse deveras experiências, e não foi possível ter eloquência para explicar, mas eu propriamente afirmo que sou o que sou, portanto sou eu mesmo''

Castelhano

"Sempre gosto de saber o resultado das provas as quais faço e da mesma forma anseio por saber o que resultará a prova chamada vida, a minha em particular, desejo saber, mas só verei com a morte, por isso que penso nela, mas logicamente não irei provoca-la"

Castelhano