Coleção pessoal de Caamila

Encontrados 4 pensamentos na coleção de Caamila

Reclamar do mundo é fácil. Justificar os próprios problemas em erros de terceiros, ou de coisas e fatos, que não têm realmente nada a ver com a sua realidade. Dizer que a vida não vale mais a pena, que tudo está errado, sem procurar entender, que na verdade, o errado da história pode ser você. Por que afinal, é muito mais fácil culpar o mundo pelos seus “problemas”, do que procurar compreende-los e enfrenta-los de frente. O difícil é admitir que a culpa de “tudo isso” é sua, e que você, e só você pode reverter essa situação. Mas, acreditar em si mesmo, é tão difícil quanto admitir seus erros. Acreditar que realmente você consegue, leva tempo, força de vontade, e eu diria até, muito treino, e ensaios na frente do espelho. E na maioria das vezes, esses esforço todo é jogado pelo esgoto, quando você não tem o que deseja, ou não ouve o que quer ouvir. Por isso, é importante entender que a vida não é feita só de vitórias, e que perder, muitas vezes é o melhor caminho para chegar à perfeição. Por que como todos dizem, só aprendemos errando, e muitas vezes, isso leva tempo. Tempo no qual você acha que a vida não vale mais a pena, e que você volta a reclamar do mundo, como se ninguém se importasse com a sua existência. Bom, talvez, ninguém se importe mesmo. Mas de verdade, quem vai saber?

Camila T. A. Nascimento
50 compartilhamentos

Se eu pudesse apertar um botão para desligar e me desconectar de todas as emoções, pessoas e coisas desse mundo, eu juro que faria sem medo. Eu não pensaria duas vezes em me desligar um pouco disso tudo, e poder descansar em um local onde nada mais importasse, além de mim mesma. Queria pelo menos uma vez, poder pensar em mim, sem me relacionar a outras pessoas. Sem pensar no que sinto, ou no que tenho vontade. Na verdade, queria um tempo onde “pensar” fosse uma palavra fora de meu vocabulário. Queria ficar em “off”, onde eu pudesse me calar, e me manter assim, sem me preocupar com pessoas, com sentimentos, com atrasos.. sem precisar viver. A coisa às vezes chega a um ponto supersaturado.... a ponto de explodir. Chega uma hora em que ouvir intrigas, fofocas, e coisas sem o menor sentido real cansa. Cansa ouvir gente reclamando enquanto tem tudo, e me cansa ter que ver pessoas morrerem de fome por não terem o que comer. Não é ser hipócrita, mas muita gente tem que se ligar, e começar a colocar a mão na consciência antes de reclamar de barriga cheia da vida que tem. Tem que deixar de ser idiota, e tem que parar de achar o fim do mundo não ter o tênis, ou a roupa da moda. Tem que entender que nem tudo é como a gente quer, e de uma vez por todas, precisam cair na real, e sair dos seus mundinhos medícores, onde o próximo não significa mais nada, e tudo basta se tiverem o que desejam em suas mãos.

Camila T. A. Nascimento
16 compartilhamentos

Um abraço, um beijo, um afago, o sol de toda manhã, um almoço em família, o vento no rosto, um sorriso, uma boa lembrança, um bom amigo, um jogo de futebol, chocolate, a praia, uma festa, dançar, cantar, gritar, comemorar, ... tão simples né? Tão simples, e tão necessário! Mas tão esquecido pela rotina. Ninguém mais aproveita as coisas simples da vida; Ninguém dá o devido valor... Preguiça? Eu diria acomodação. Há solução? Simples. É só olhar em volta, e perceber o quão maravilhoso é estar vivo. Ver que existem tantas coisas no mundo, e sobretudo, ter vontade de olhar, ver e descobri tudo o que for possível. Saber viver! Eu diria... aproveitar. Crer. Sentir. Perceber. Aceitar. Sonhar... amaaaaar. Amar o mundo, amar o dia, a noite, o canto dos pássaros e sobretudo, amar a vida! Amar viver, e crer que tudo pode sempre melhorar.

Camila T. A. Nascimento
215 compartilhamentos

É importante saber que para você conseguir alcançar qualquer objetivo, você tem que lutar por ele, e não esperar que ele caia do céu. Quem sonha demais, acaba esquecendo da realidade, e consequentemente, acaba se ferrando, por não saber separar os sonhos, da vida real. O mais importante, é ter o pé no chão e mais do que tudo, agir com a razão, ao invés de só com o coração. Isso contradiz tudo o que se vê em novelas, se lê em livros, e até mesmo, tudo o que a sua mãe lhe diz. Mas, pra mim, isso tem um motivo. Afinal, de que adianta você “pensar com o coração” se na realidade, ninguém se importa? Por que sinceramente, ninguém se importa. Todas as pessoas só pensam no que é melhor pra si mesmas, e nada mais. E, sem ser hipócrita, você também é assim. Todas as pessoas no mundo, são assim, sem exceções. Tudo bem, toda regra tem suas exceções, então, 99,9% das pessoas são assim. E isso, a meu ver, não é ruim. Cada um é responsável pela sua vida, e faz dela o que bem entender. Isso não quer dizer que uma pessoa não precise de ajuda, que não precise de amigos, de família... Quer dizer, que todos são totalmente capazes de cuidar dos próprios narizes, e todos os problemas, são conseqüências dos próprios atos. Viu, é simples! Tudo bem, talvez não seja tão simples. Mas, é fácil entender que o mundo em que vivemos, é extremamente egoísta, e que não há nada que se possa fazer para mudar isso. Aceitar é a palavra chave. Aceitar que as coisas são como são, e que tudo sempre fluiu e sempre fluirá dessa maneira.

Camila T. A. Nascimento
3 compartilhamentos