Coleção pessoal de bongarten

Encontrados 14 pensamentos na coleção de bongarten

– Ansiedade

Quero terminá-lo;
Antes mesmo de começá-lo;
Porque o final é mais rápido;
E no começo é demorado;

Eu tento pular etapas;
Mas esbarro nas erradas;
Que me empurra pro começo;
Ocorro de novo em falhas;

A calma é curta de se escrever;
Mas difícil é de ter;
Eu anseio em ansiedade terminar;
Mas só angustia volto a ler;

Espero que acabe de verdade;
Bem rápido e com qualquer final;
Correndo através da palavra logo;
Descabelo-me em terminar com a ansiedade.

Bongarten
1 compartilhamento
Tags: ansiedade. terminar

“ Entre a Genialidade e o Dom”.

A Genialidade é a capacidade de um ser humano, de se destacar entre as pessoas em uma determinada função;
A Genialidade sempre se aprimora com esforço a cada dia;
O Dom é algo próximo da Genialidade, mas tal como ele, não há, ele é divino;
O Dom vem de Deus e a Genialidade vem do homem;
Se tivesse chance de escolher entre a genialidade e o Dom;
Escolheria certamente o Dom;
Porque sei, que serei guiado por Deus;
Pois pela Genialidade serei guiado pelos homens;
E no Dom sou aprimorado por Deus;

Bongarten
1 compartilhamento

“O cotidiano nos apedreja sempre no mesmo presente”.
“Então trava uma briga com teu cotidiano que ele lhe esmurra diferente”.

Bongarten
1 compartilhamento

Os Sentimentos e tormentos

O desafio do poeta é tentar extrair respostas e joga-las na humanidade.
O desafio do poeta é representar os sentimentos em escritos eternos.
E o seu tormento é saber que pode representar também os sentimentos maus, na eternidade.
Mesmo sabendo que para isso, esses sentimentos precisarão passar primeiro pelo seu coração.

Bongarten
1 compartilhamento

Porque correr do medo?

Certamente queremos às vezes lendo, chegar a algum assunto inteligente e dispersante do sono.
Mas às vezes não consigo escrever e eu sinto medo de ninguém entender o que se passa no ser humano.
Somos muitos ousados quando queremos alguma coisa, mas será que temos força de suportar a dor de perder um dia de dom? Quando não conseguimos escrever nada? Somos um caixinha de mistérios, nós seres inteligentes podemos fechar nossos olhos e tentar demonstrar como corremos de uma situação que adiamos a tanto tempo.
O medo é essa situação que o tempo se encarrega de levar, quando não os enterramos de uma vez, e isso nos dá medo, corremos dos problemas.
Se tudo na vida, que reprime nosso cotidiano ou que ligasse a situações de orgulho é normalmente comum causar um menor dano se antes de correr, encararmos com seriedade e postura.
A questão do sofrimento pode ser encarada com menor intensidade agora, do que encara-la com uma intensidade absurdamente forte.
Pondo-nos a pensar então porque corremos do medo?
Será que esse tema segura atenção de alguém, será que você não ficou sonolento, posso tentar dizer que somente os corajosos que pensaram nesse momento em seus problemas nesse exato momento conseguirão alcançar a resposta dessa pergunta.
Simplesmente enfrente seus medos!

Bongarten
2 compartilhamentos

É necessário!

A responsabilidade de tomar uma atitude é voltada de incertezas, às vezes não sabemos se é a melhor opção arriscar com toda força.
Mas se for por um bem maior e sua consciência estiver satisfeita pelo encaminhamento de sua ação.
Podes então sentir alivio ou decepção, depende de como tudo termina.
Pode ser suspeito ou incerto, o importante é ver se sua lucidez é maior que o desespero, principalmente se teu risco é de vida.
Mesmo com medo é preciso saber escolher o bem de fazer uma tentativa.
Mas com pesar de aceitar os resultados contrários.
Mas é assim mesmo quando algo chega no abismo, intervir é necessário.

Bongarten
1 compartilhamento

Angustia

A falha é uma falta de astucia;
O medo inquietante nos assusta;
Intriga-nos como se o esforço nada vale e se anula;
São assim atos praticados com angustia;

"Angustiado estou, porque falhei".

Bongarten
1 compartilhamento

Eu sou parecido com essas palavras, quem determina o conteúdo delas sou eu, eu decido pra onde vou jogar os sentidos, se quero estar voando, cantando ou até mesmo sonhando.
Eu gosto do controle das palavras assim meu mundo não dói tanto, assim não sinto muito forte a dor do sofrimento, nas minhas palavras eu posso chegar no fim do mundo, correndo a pé, posso ter um milhão de amigos sabendo que na verdade só posso contá-los nos dedos das minhas mãos, posso imaginar, criar, esconder pensamentos maus, transformá-los em histórias de superação, na escrita eu sou o super-homem, sou o inventor da minha mente, sou o criador de tudo que quiser e isso me basta.

Bongarten
3 compartilhamentos

Às vezes escrever não é fácil, você tenta imaginar algo, derrepente some tudo e torna tudo difícil,
Então quando tudo achar é melhor escrevê-lo rápido. Porque pode nunca mais lembrar igualmente ao inicial.

Bongarten
1 compartilhamento

A Sabedoria esta na experiência das respostas sentidas no passar do tempo.
Cada resposta tem um tempo para ser respondida, muitas, você só descobre com muito tempo de vida, muitas, você descobre no seu primeiro instante de vida. Cabe a nós decidir que resposta quer encontrar primeiro e se estamos disposto a esperar quando a pergunta principal da vida é se encontrar.

Bongarten
1 compartilhamento

Dinheiro capitalista é uma necessidade no mundo contemporâneo, mas não importa ser rico, forte, fraco ou pobre, o importante é capacidade de fazer uma pessoa feliz e amada.

Bongarten
1 compartilhamento

Não gosto de criar ilusões nas pessoas, eu na verdade gosto de estimular o amor entre as pessoas.

Bongarten
1 compartilhamento

O Desafio do poeta é tentar descrever o amor, através de palavras!

Bongarten
1 compartilhamento

Escrevo para quem ama, para quem gosta ou para quem quer amar, não importa quem fez, o importante é levar o que você sentiu ao ler, e tomar como seu aquele sentimento escrito, não tem coisa melhor que ler o que sente e passar para quem você ama.

Bongarten
1 compartilhamento