Coleção pessoal de alinediedrich

1 - 20 do total de 124 pensamentos na coleção de alinediedrich

A vida ensina a transformar todos os nãos em motivação para encontrar o caminho da vitória!

Aline Diedrich
1 compartilhamento

Não nasci pra ser passarinho engaiolado. Sou águia na minha história!

Aline Diedrich
2 compartilhamentos
Tags: passarinho engaiolado

Que as vibrações positivas nos tragam a força que precisamos para correr atrás da realização de nossos sonhos.

Aline Diedrich
1 compartilhamento
Tags: vibrações positivas

Não tenho ideia do que querem para mim, mas sei que trilho o caminho dos meus sonhos. Fica, portanto, o compromisso de superar apenas as minhas expectativas... Que já são tantas!

Aline Diedrich
1 compartilhamento

Sonhador, e não havia estupidez humana que pudesse impedi-lo de ser. Sonhador – que se frise isso.

Aline Diedrich
1 compartilhamento
Tags: sonhar sonhador

Ele gostava da noite. Ela queria motivos para ficar acordada.

Aline Diedrich
1 compartilhamento

Não me contento com amor comum, com história vazia, com vida sem graça... Preciso do que me tira os pés do chão, me faz balançar e, ao mesmo tempo, me acalma a alma. Preciso do que me encanta e desperta todas as sensações. Do que supera as expectativas. Precisa ser mais do que posso imaginar.

Aline Diedrich
1 compartilhamento

Não quero qualquer coisa no meu caminho. Quero o melhor. Na vida, surpresas boas não me satisfazem, elas precisam ser magníficas.

Aline Diedrich
2 compartilhamentos

Se mede as pessoas pelo tamanho dos sonhos que elas carregam.

Aline Diedrich
1 compartilhamento
Tags: sonhos mensagens

O teu jeito poético é a inspiração dos versos meus!

Aline Diedrich
1 compartilhamento

O amor é o certo no momento errado, é conhecer os caminhos, vencer as barreiras e escalar as montanhas se preciso for. É liberdade. É apego. É inspiração. É a falta de inspiração. É dança sem som. É ritmo. É música e poesia. É chão firme e areia movediça. É ver a perfeição no imperfeito. É sentir o que não faz sentido. É detalhe e o preencher do vazio. É a tentativa de encontrar todas as definições e, ainda assim, o amor é indefinido.

Aline Diedrich
1 compartilhamento

A desordem é a prova do movimento constante da vida, pois tudo que fica parado, estagnado, sem embalo, acaba por perder a graça.

Aline Diedrich
1 compartilhamento

É sagrado o compromisso de aceitar todas as boas propostas da vida.

Aline Diedrich
1 compartilhamento

Liberte-se das incertezas, mágoas e culpas. A felicidade é grandiosa e precisa de todo espaço na vida da gente.

Aline Diedrich
1 compartilhamento
Tags: felicidade grandiosa

É pela fome, palavra que recusa qualquer argumento. É pelos altos preços dos produtos que consumimos todos os dias. É por um País que não sabe o que fazer com seus jovens que escolhem o caminho da criminalidade. É pelos pais que enterraram seus filhos vítimas da violência, e por aqueles que perderam os filhos para uma verdadeira epidemia do crack. É por leis importantes que são ignoradas. É por aproveitarem um minuto de nossa distração para, na surdina, votarem em injustas propostas de emendas constitucionais que facilitam a corrupção ou de tamanha bestialidade que pode incitar ainda mais a discriminação num suposto “País de Todos”. É por terem feito manobras na tentativa de nos ludibriar. É pelos interessantes movimentos que, separadamente, não foram ouvidos. É por estarmos cansados da impunidade para os que desviam bilhões dos cofres públicos. É por não sabermos onde vão parar os bilhões que saem de nossos bolsos em forma de impostos. É pela mísera parte do peixe que é dada, enquanto se recusam a ensinar o povo a pescar. É pela educação precária. É por um sistema único de saúde que martiriza com suas enormes filas. É pelas pessoas jogadas no chão dos hospitais. É pelo trabalhador pessimamente remunerado. É por serem absurdamente altos os salários daqueles que elegemos. É pelo País ter sido maquiado para turista ver. É para fazer valer a expressão “Ordem e Progresso” que estampa o meio da Bandeira Nacional. É porque desde pequenos cantamos e agora reafirmamos “Verás que um filho teu não foge à luta”. É para que não seja depravado o termo “política”. É pelo fato do governo se dizer perplexo, pois quem esperaria a revolta de um povo tão alegre e festivo? É pelas ideologias que foram esquecidas. É para efetivar a democracia. É por todas as causas.

Sim. É para pedirmos investimentos em educação, saúde, segurança, transporte público e na belíssima e diversificada cultura brasileira. Sim, é para pedirmos honestidade por parte daqueles que escolhemos como nossos representantes.

Não acordamos. Sequer dormimos, porque o berço jamais foi esplêndido. Nossa indignação é que ganhou voz.

Francamente, não sei como serão chamados os manifestos que tiveram como estopim o aumento de 20 centavos no transporte público. Mas desejo que as crianças do futuro possam saber que a luta de 2013 não foi vã.

Desejo também que possamos manter aguçados o nosso senso crítico e participação política.

Que a indignação e o barulho das ruas chegue até as urnas!

Aline Diedrich
1 compartilhamento

Não é simples encontrar o que buscamos, mas o princípio está naquilo que transmitimos. A vida tem essa mania de mostrar que as nossas vitórias ou perdas são resultados das sementes que um dia espalhamos.

Aline Diedrich
1 compartilhamento
Tags: transmitir vida

Engraçado, menino, a vida sempre tem graça!

Aline Diedrich
1 compartilhamento

A linha entre expectativas e decepções é tênue, menino. Mas as tentativas não são vãs ou vazias. O correr dos riscos nos impulsiona e nos aviva. Eu sei, a frequência dos acontecimentos é o que assombra. Cada episódio é fugaz e tão passageiro quanto nossas vontades. É que o futuro é abusado, ele vem e nem pede licença.

Aline Diedrich
1 compartilhamento
Tags: expectativa decepção

Um pouco da felicidade em doce, salgado e amargo, pois de todos os gostos é preciso provar.

Aline Diedrich
1 compartilhamento
Tags: felicidade gostos

Abandonou os desprazeres, os dissabores, os desamores, os olhares tortos e uma boneca de porcelana que sempre quebrava a cara. Abandonou seus versos inacabados, a coleção de romances de bolso, as leituras da palma da mão, os delírios errados e os lírios mortos que guardava no meio dos livros.

Aline Diedrich
1 compartilhamento
Tags: desprazer dissabor