Biografia de Roberto Freire

Roberto Freire

Roberto Freire nasceu em São Paulo, em 1927. Formou-se em Medicina no Rio de Janeiro e especializou-se em psicanálise.

É considerado como um dos grandes divulgadores das teorias de Wilhelm Reich no Brasil e deixou pesquisas importantes sobre o corpo no ambiente psi. Também desenvolveu práticas que abordavam a interface da psicologia com a política.

Foi o criador da SOMA, um tipo de terapia, que se baseia nas idéias de Wilhelm Reich e nas técnicas do Jogo de Capoeira Angola.

Roberto abandonou a psicanálise no início da década de 60 e passou a se dedicar ao teatro e ao jornalismo. Voltou às atividades terapêuticas alguns anos depois, para descobrir um método literário que pudesse servir as pessoas com problemas emocionais, de qualquer nível social e econômico.

Ainda na década de 60, durante a ditadura militar, Roberto Freire participou ativamente de atividades políticas e culturais. Por isso, foi preso e torturado, de 1963 a 1979. Foi durante esse período que perdeu a visão do olho direito.

Escreveu romances que renderam vários jovens fãs ao psicanalista e escritor, como “Cléo e Daniel”, de 1965, “Coiote”, de 1988 e “Os Cúmplices”, de 1996. Também teve êxito ao escrever na área da psicologia e política, com os “Ame e Dê Vexame”, “Utopia e Paixão” e “Tesudos de Todo Mundo, Uni-vos!”.

Além disso, Roberto Freire realizou diversas conferências por todo o país, para debater sobre suas obras e levou um grande número de jovens para esses debates.

Roberto Freire também foi um dos editores da revista Caros Amigos, redator de programas de televisão como “Malu, Mulher”, “A grande família” e “Obrigado, Doutor”.

Roberto Freire morreu em 2008, aos 81 anos.

Acervo: 16 frases e pensamentos de Roberto Freire.

Frases e Pensamentos de Roberto Freire

Quem começa a entender o amor, a explicá-lo, a qualificá-lo e quantificá-lo, já não está amando.

Roberto Freire
990 compartilhamentos

Vamos brincar de imaginar um mundo diferente?
As pessoas deixam de ser coisas e passam a ser gente!

Roberto Freire
285 compartilhamentos

Porque eu te amo, tu não precisas de mim. Porque tu me amas, eu não preciso de ti. No amor, jamais nos deixamos completar. Somos, um para o outro, deliciosamente desnecessários.

Roberto Freire
420 compartilhamentos

Estar vivo não nos distingue radicalmente dos mortos; mas, estar apaixonado, sim.

Roberto Freire
94 compartilhamentos

O contrário da morte não é a vida, é o amor.

Roberto Freire
84 compartilhamentos