Renata Pinho

Encontrados 4 pensamentos de Renata Pinho

Espero que o seu dia seja bom e que seu trabalho flua. Que as coisas possam acontecer dentro de uma concordância.
Espero que você seja forte o bastante para suportar aquilo que tente ser mais forte que você e que você saiba suportar um peso além das suas expectativas.
Espero que mesmo que acabe toda sua vontade, você olhe pra dentro de si e encontre aquilo que te faz bem em saber quem você é ou tem.
Espero que quando você estiver a ponto de infartar que você pare e reflita se vale a pena morrer assim (na verdade não paramos para pensar como devemos morrer, apenas não morra por trabalho, acho que morrer de velhice é a morte mais sensata).
Espero que quando alguém lhe fechar no trânsito você consiga (pelo menos aos poucos) não tentar seguir este "ser" e arrumar uma encrenquinha, só pra variar...
Espero que com o passar do tempo você realmente me escute e não se entendie de tanto eu lhe pedir para parar de se "cutucar".
Espero que eu ainda possa "mesmo que numa freqüência baixa" lhe dar muito carinho, sentir seu cheiro e me refazer todas as vezes que isso acontecer.
Espero te ver sempre atacando de "gente grande" e segundos depois atacando de "criança".
Espero que quando eu te irritar profundamente você continue deixando muito claro que te irritei e que no dia posterior eu ainda tenha uma chance de corrigir meus erros e dizer de algumas maneiras diferentes o quanto te amo, o quanto sem você não dá, mesmo que eu não diga mais com tanta freqüência.
Espero te encontrar mais vezes do que o planejado.
Espero nunca perder a liberdade de ficar enfiada no seu mundo tão perfeito e maluco.
Espero que você perceba que te amar não é um esforço, e sim algo que desliza do meu coração deixando vestígios pelo meu corpo, meus pensamentos, meus atos, minhas manias, meus desejos e tem sido o melhor que tenho feito...te amado de longe, de perto, aceitando seus limites, seu jeito, engolindo o ciúme que me rasga toda...
Espero apenas que você consiga de todas as maneiras ser feliz e que eu possa contribuir um pouco pra isso!

Renata Pinho
44 compartilhamentos

Não fui eu quem te deixou e nem você que me abandonou. A vida nos deu novos rumos e acatamos as novas leis.
Vivemos, crescemos, nos esquecemos...

No primeiro dia que te vi meu coração bateu descompassado e parecia que eu estava reencontrando alguém. Foi a primeira vez que senti aquilo.

Quando você se aproximou, agradeci a Deus secretamente e tudo em você me deixou encantada, leve, me sentindo numa existência superior...

Nossos momentos foram marcantes.

Guardo aqui na lembrança cada mania sua, cada gesto, cada jeito, cada lágrima, cada franzir de testa, seus dedos sem unhas porque estavam sempre roídas, seu cabelo caindo nos olhos, seus cílios longos, seu sorriso no canto da boca, seu jeito de não saber dizer o que estava sentindo, mas que quando me olhava eu sabia que tinha algo errado...ou certo.

Aqui dentro dessa caixa de esquecimentos está nosso jeito de fazer as pazes, nossos segredos mais "segredosos", nossas mãos unidas pelo medo, pela coragem, cumplicidade, amizade e pela nossa vontade de estarmos sempre juntos.

É nesse cantinho que vive, onde vou lá vez ou outra te procurar e dizer que ainda sinto sua falta e que você, mesmo sei lá onde, aparece com "novidades" nos meus sonhos e eles se realizam.

Como vou te contar que te vejo nos meus sonhos e neles você sempre cuida de mim, como fazia há tantos anos?!?

Você sempre chegava com aquele jeito de "tô crescendo", me chamava de criança e eu tentava lhe imitar. Na verdade, acho que ainda tento lhe imitar...Você sempre soube de coisas que nunca imaginei. Você sempre estava à frente. Sabia e fingia algumas vezes não saber, só pra me deixar ganhar e quando eu perdia você ria até chorar, porque sabia que eu perdia pra te agradar...

Eu sempre tentei agradar com medo de lhe perder e você, um dia, me escreveu assim: "mesmo na distância estarei com você, por que esse sentimento é verdadeiro".

Aprendemos a gostar da mesmas coisas, a frenqüentar os mesmos lugares, tivemos muitos amigos em comum e quando algo estava errado era porque um de nós não estava lá.

Sempre fui muito falante, você nem tanto. Sempre tentei esconder a minha timidez, você não. Sempre brigamos por nos amar demais e sempre voltávamos a nos falar por saudade.

A dor de saber que sem você é muito pior do que com você e suas chatices...

Nos melhores momentos da minha vida você está e o melhor disso tudo é que de um jeito que eu não sei explicar, você mesmo nos sonhos, faz parte da minha vida e isso só me faz acreditar que "esse sentimento, realmente, é verdadeiro".

Renata Pinho
2 compartilhamentos

O que seria dessa boba alma sem esse amor imenso e sem razão que para alimentá-la?
O que seria de mim sem esse desejo de te desejar e me completar e te encontrar e sofrer e chorar e sorrir e desentender e recomeçar?
O que faria eu se não fosse esse amor "sem pé nem cabeça", que me completa e deixa jogada na rua, perdida na multidão?
Onde estaria eu sem sua compaixão, sem esse engano que comete todas as vezes que digo que te amo?
Quem eu poderia ser sem o nada que me dá e com o tudo que espero, com o amor que pula dos seus olhos, dos seus gestos e não sai da sua boca?
Onde posso parar pra te esquecer e, quem sabe, me perder de você e nunca mais me achar?

Renata Pinho
Inserida por RenataPinho

É assim mesmo...

É assim mesmo
De repente acabou...
Não é mais o seu sorriso
nem os seus olhos
Algo melhor surgiu, aprendi a me ver de frente

Não foi o que você fez
Foi o que eu não fiz
o que eu não sabia
Na verdade, eu nem me conhecia...

Não cabe a você ajudar
A ajuda já foi dada
Não sinto nada
nem pena
nem rancor
nem ódio
nem compaixão
nem desespero
muito menos medo

Não sinto nada pelo que vai ou vem de você
Simplesmente não sinto falta
E não sei explicar como foi
De repente acabou

Meu coração não está vazio
Existe um lugar dentro dele
que já não é mais seu
Agora pertence aos meus anseios
aos meus desejos
pertence à minha vida
aos meus sonhos
e principalmente
às minhas realizações

É...foi assim mesmo
De repente
eu sou assim
É mais um jeito meu que teve a possibilidade de conhecer
Meu mundo é cheio de entradas e saídas
e você conheceu as duas portas

Renata Pinho
9 compartilhamentos