Biografia de José Mauro de Vasconcelos

José Mauro de Vasconcelos

José Mauro de Vasconcelos (1920-1984) foi um escritor brasileiro. Autor do romance juvenil Meu Pé de Laranja Lima, um clássico da literatura brasileira.

José Mauro de Vasconcelos nasceu no Rio de Janeiro, no dia 26 de fevereiro de 1920. Filho de îmigrante português foi criado pelos tios, na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte. Com 15 anos voltou para o Rio de Janeiro onde buscou diversos empregos para se sustentar. Mudou-se para São Paulo, onde trabalhou como garçom de boate.

José Mauro e Vasconcelos se aventurou junto aos irmãos Villas-Boas, em uma viagem pelos rios da região do Araguaia. O resultado foi seu livro de estreia “Banana Brava” (1942), onde relata o mundo do garimpo da região. Em 1945 publica “Barro Branco”, seu primeiro sucesso de crítica. Escreveu “Longe da Terra” (1949), “Vazante” (1951), “Arara Vermelha” (1953), “Arraia de Fogo” (1955).

Seu primeiro grande sucesso veio com “Rosinha Minha Canoa” (1962). A obra foi utilizada no curso de Português na Sorbonne, em Paris. Nos anos seguintes escreveu “Doidão” (1963), “Coração de Vidro” (1964) e em 1968 seu maior sucesso popular, “Meu Pé de Laranja Lima”, onde relata a vida sofrida na infância e as buscas por mudanças. A obra foi adaptada para a televisão e para o cinema.

Vierem em seguida: “Rua Descalça” (1969), “O Palácio Japonês” (1969), “Farinha Órfã” (1970), “Chuva Crioula” (1972), “O Veleiro de Cristal” (1973) e “Vamos Aquecer o Sol” (1974). José Mauro de Vasconcelos faleceu em São Paulo, no dia 24 de julho de 1984.

Acervo: 8 frases e pensamentos de José Mauro de Vasconcelos.

Frases e Pensamentos de José Mauro de Vasconcelos

Porque pra lembrar a gente precisa primeiro esquecer, e isso eu não posso nunca.

José Mauro de Vasconcelos
43 compartilhamentos

Na outra encarnação eu vou querer nascer um botão. Qualquer um. Mesmo que seja um botão de cueca.É melhor do que ser gente e sofrer pra burro.

José Mauro de Vasconcelos

Lembre-se de mim de vez em quando.

José Mauro de Vasconcelos

Até agora aquela música me dava uma tristeza que eu não sabia compreender.

José Mauro de Vasconcelos
Inserida por luanaadiniz

Uma voz falou vindo de não sei onde, perto do meu coração

José Mauro de Vasconcelos
Inserida por luanaadiniz