J.J.Barbosa

26 - 50 do total de 73 pensamentos de J.J.Barbosa

Não imaginas o quão afetuosa e companheira é a minha solidão.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Enquanto o disfarce da inteligência alimenta a imortalidade efêmera, mais e mais o SER torna-se solitário e incompreendido.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

A inteligência torna a pessoa infeliz e solitária.

J.J.Barbosa

Uma vez ela quis bailar além dos céus, como uma bailarina. No entanto nada fez, pois se é muito difícil bailar em uma cadeira de rodas.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Só teremos consciencia da nossa grandeza quando percebermos nossa insignificância.

J.J.Barbosa

Seguramente, não sou o que sou.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

...E eu nao sei falar de amor.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Oh vizinho então Adeus, vou cuidar de sonhos meus, que eu não sei falar de amor..

J.J.Barbosa

Cortei-lhe as asas para não voar. E a linda fada fez de suas penas lindos poemas para me embalar.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Há noites em que a saudade não deixa passar o amor que sinto por ela.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Nenhum ser humano é cego demais que não possa enchergar a verdade.

J.J.Barbosa

Ainda bem que o teu corpo não quer embarcar na tormenta do meu.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

...E não voltes mais, que a tua gaiola serve à outros animais.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

A musica é algo visível, basta fechar os olhos e você deslumbrara.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

A pobreza é um vício!

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

...E as pessoas solitárias, de onde elas vêm?

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Sabe-se que para dor da saudade, não há idade.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

A ultima lagrima cai. Eu a seco. Estes são os ultimos anos de uma vida

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

E agora, sem amor nem sonho e mocidade. Soletra missal azul do firmamento. O evangelho pagão do rito da saudade.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Que importa a imortalização do nome?

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Gravem, querendo, sobre a sepultura: -Teve por gloria a própria desventura. A dor suprema de ter sido só.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Dizem que a poesia, para ser pura, deve ser inconseqüente... Mas, por ventura, os anjos não conhecem a eternidade?

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

O poeta sofre duas vezes. A primeira é a dor dos mortais, o segundo dos mágicos que desatina a doer: a dor das palavras.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

Cada poema é um parto de ternura, paradoxal, pois na ternura não deveria haver dor.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk

O poeta canta um canto angelical empregando em suas palavras maduras, o amor universal.

J.J.Barbosa
Inserida por julianwatsuk