Biografia de Giacomo Puccini

Giacomo Puccini

Giacomo Puccii nasceu em Luca, Itália, no dia 22 de dezembro de 1858. Seguindo a tradição familiar tornou-se organista, mas aos 18 anos se sentiu atraído pela ópera. Estudou no conservatório de Milão. Depois de formado chamou a atenção do produtor musical pela qualidade de seu trabalho.

Sua primeira ópera, “La Villi” (1883), venceu um concurso, a segunda ópera “Edgar” (1888), não obteve o mesmo sucesso. Seu terceiro trabalho, “Manon Lescaut” (1893), obteve reconhecimento internacional.

Em seguida, Giacomo Puccii produziu uma série de obras que rapidamente dominaram os palcos da ópera, entre elas: “La Bohème” (1896), “Tosca” (1900), “Madame Butterfly” (1904), “La Fanciulla del West” (1910) e “Gianni Schicchi” (1926).

A estréia de La Fanciulla del West (A Garota do Oeste) em Nova York, em dezembro de 1910, foi um grande sucesso. Giacomo Puccini faleceu em Bruxelas, Bélgica, em 29 de novembro de 1924.

Acervo: 2 frases e pensamentos de Giacomo Puccini.

Frases e Pensamentos de Giacomo Puccini

Nessun Dorma (tradução)

Ninguém durma! ninguém durma!
Tu também, ó princesa, na tua fria alcova olhas as
Estrelas que tremulam de amor e de esperança!
Mas o meu mistério está fechado comigo,
O meu nome ninguém saberá!
Não, não, sobre a tua boca o direi,
Quando a luz resplandescer!
E o meu beijo destruirá o silêncio que te faz minha!

O seu nome ninguém saberá ...
E nós deveremos, ai de nós, morrer!
Morrer!

Desvaneça, ó noite!
Desapareçam, estrelas!
Desapareçam, estrelas!
Pela manhã vencerei!
Vencerei! vencerei!

Giacomo Puccini

Nessum Dorma
Giacomo Puccini
Nessun dorma! nessun dorma!
Tu pure, o, principessa,
Nella tua fredda stanza,
Guardi le stelle
Che fremono d'amore
E di speranza.

Ma il mio mistero e chiuso in me,
Il nome mio nessun sapra!
No, no, sulla tua bocca lo diro
Quando la luce splendera!

Ed il mio bacio sciogliera il silenzio
Che ti fa mia!

(il nome suo nessun sapra!...
E noi dovrem, ahime, morir!)

Dilegua, o notte!
Tramontate, stelle!
Tramontate, stelle!
All'alba vincero!
Vincero, vincero!

Giacomo Puccini
Inserida por sophiadrummond