Eduardo Sabino

Encontrados 6 pensamentos de Eduardo Sabino

Eu queria te contar como está o trabalho, como foram minhas notas neste período, como andam as coisas aqui em casa, e em como estou nervoso pra fazer aquela prova que tanto falávamos. Ouvir tudo o que você quisesse falar, absorver e transmitir tudo que eu pudesse entender. Ouvir teu cansaço de felicidade sobre a faculdade, e as tuas incansáveis reclamações de dores nas pernas. Rir com você. — Falar sobre o cãozinho que adotamos, explicar com detalhes como ele está ficando esperto, e em como ele me esnoba querendo a tua presença. Eu sou totalmente contra a tudo que nasce pra ser 'único' e de repente 'se divide'. Mas eu sou a favor de você... Das tuas idéias, das tuas necessidades, dos teus princípios, e principalmente, sou a favor desse Amor que se fez e faz eterno a cada 'amanhã' que Deus me oferece pra viver, e por isso eu espero... Por isso eu espero você. * lágrimas.

Eduardo Sabino
Inserida por EduardoSabino

Saudade é a abstinência dos momentos bons que passaram por nós, nos espancaram de amor, nos rechearam de sorrisos, nos esmurraram de abraços, e no fim acabam nos deixando apenas com a falta.

Falta essa que nos faz sofrer. E também, querer esquecer, só pelo fato de não querer mais querer.

Eduardo Sabino
Inserida por EduardoSabino

A gente deseja tanto crescer, e não chorar mais por causa de joelhos ralados. Aí crescemos e emitimos uma enlouquecida vontade de ter intelecto o suficiente para criar uma máquina, e poder voltar no tempo.

Eduardo Sabino
Inserida por EduardoSabino

Minha vida precisa de mim. Meus planos precisam de mim. Minha coragem precisa de mim. Meu corpo precisa de mim. Minha força precisa de mim. Meu sorriso precisa de mim.

Tudo isso precisa de mim, e eu preciso disso tudo também.

Conselho? Priorize-se.

Eduardo Sabino
Inserida por EduardoSabino

Eu ouvia suas promessas, e um mundo de opões para ser feliz se abria como um leque. Era como ter várias cartas nas mãos, e todas elas concretizarem minha vitória, logicamente, ao teu lado. Eu sonhava com nós dois bem velhinhos, nossa casa cheia de netos, você contando histórias pra eles, eu olhando de longe e sorrindo. Admirando você e seus cabelos de algodão, o seu jeito único de se expressar, teu sorriso que é idêntico o da tua mãe, lembrando de cada ano, década que passaríamos/passamos juntos.
Mas não deu. O ruim das promessas é que as pessoas não as vêem como obrigação de serem cumpridas, mas sim, palavras que selam a permanência, e a esperança de quem as ouve.
E ainda assim? Eu te amo. Amo demais.
— Sabino, Eduardo.

Eduardo Sabino
Inserida por EduardoSabino

No fim, é verdade, ninguém morre de amor.
A dor do abandono é incomparável, o eco da solidão é assustador, o buraco que se abre na alma deixa sem ar, as lágrimas são como rios, a voz fica embargada, choramos tanto que chegamos a tremer, parece que o apocalipse se faz dentro de nós, e que não existe nada que possa nos ajudar.

Porém, com o tempo a gente começa a aceitar. Começa a acreditar que tudo faz parte de um plano maior. Que aquela noite sangrenta, dolorosa, amarga e inesquecível, vai ficar pra sempre na nossa vida, mas irá nos engrandecer.

E aí, a gente vê... Que a vida segue. É só permitir.

— Sabino, Eduardo Sabino.

Eduardo Sabino
Inserida por EduardoSabino