Biografia de Che Guevara

Che Guevara

Ernesto Che Guevara de la Serna nasceu em Rosário (Argentina), em 1928. Sofreu durante toda a infância de ataque de asma e por essa razão se muda com a família pra as serras de Córdoba. Jovem, em 1947, entrou na Faculdade de Medicina.

Em 1952, fez uma viagem pela América Latina juntamente com seu amigo Alberto Granado. Durante 8 meses percorreram os mais diferentes países e observaram as condições em que viviam os cidadãos desses lugares. Refletiram sobre as injustiças e desigualdades sociais. Na viagem, Che Guevara manteve um diário que inspirou o filme Diários de Motocicleta, que conta justamente a história dessa lendária viagem dos dois amigos.

Foi na viagem também que aprofunda o seu interesse pela lepra e inicia, no Peru, um trabalho com esses doentes, sua intenção era ser um especialista nessa doença. Retornou para a Argentina e concluiu seus estudos.

Foi convocado para o exército, mas, motivado por ideologias de esquerda, resolveu burlar a convocação: tomou um banho frio antes do exame médico, tendo um ataque de asma justamente na hora da inspeção. Foi dispensado.

Envolveu-se com a política e marchou rumo ao México, em 1954. Passa a integrar o movimento de revolucionários cubanos seguidores de Fidel Castro. Juntamente com os guerrilheiros, invade Cuba – primeiro como médico e depois no comando no exército – e derruba o ditador cubano Fulgencio Batista.

Com a vitória, Che passa a ser a mão direita de Fidel Castro no governo de Cuba. Torna-se Ministro da Indústria e Presidente do Banco Nacional. A intenção do revolucionário era libertar todos os países da América Latina e também os da África. Falava sobre a exploração do capitalismo e critica a influência norte-americana no mundo.

A partir da década de 60, passa a sofrer derrotas – em 1964, na Argentina; em 1965, no antigo Congo Belga e depois no Zaire, atual República Democrática do Congo; em 1966, na Bolívia.

Foi nessa última, na Bolívia, que a trajetória do herói revolucionário chegou ao fim. Entrou disfarçado no país e se juntou aos guerrilheiros que se encontravam lá, em uma base no deserto do sudoeste do país. A intenção de Che era treinar guerrilheiros de vários países para começar uma revolução continental. No dia 8 de outubro de 1967 foi capturado, sendo executado no dia seguinte, por ordem do presidente da Bolívia, o general René Barrientos.

Acervo: 59 frases e pensamentos de Che Guevara.

Frases e Pensamentos de Che Guevara

Sonha e serás livre de espírito... luta e serás livre na vida.

Che Guevara
6.1 mil compartilhamentos

Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a primavera inteira.

Che Guevara
4 mil compartilhamentos

Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete uma injustiça no mundo, então somos companheiros.

Che Guevara
6.7 mil compartilhamentos

Lutam melhor os que têm belos sonhos.

Che Guevara
1.5 mil compartilhamentos

Os grandes só parecem grandes porque estamos ajoelhados.

Che Guevara
1.9 mil compartilhamentos