Carlos Correa

Encontrados 14 pensamentos de Carlos Correa

Vale a pena?

Se vale a pena não deveria haver dúvidas, pois tudo o que vale a pena deve ser feito sem se pensar nos poréns, nos pretextos, nas opiniões alheias... Pra tudo o que vale a pena apenas o céu é o limite.

Mas cuidado! Se existe a dúvida então talvez não valha tanto a pena... Todos falam sobre "se arrepender só do que não fez", ignorando a dor do arrependimento em si. Deve ser levado em conta que vontade passa, mas as ações geram cicatrizes e algumas marcam pra sempre.

Então, vale a pena?

Carlos Correa
Inserida por KduCorrea

A felicidade é tão abstrata quanto o amanhã, adaptá-la às nossas utopias é essencial para evitarmos decepções além da nossa capacidade de absorção.

Carlos Correa
Inserida por carloscorrea2011

Eu vou sempre
acreditar no verso.
O verso é assim,
transige o verbo.
Você é o verbo do verso que
há em mim:
amor.

Carlos Correa
Inserida por carloscorrea2011

Poema
Pó e má
Pô Ema
Vem po(e)tar.

Carlos Correa
Inserida por carloscorrea2011

Sua dor pode ser maior que a minha, mas isso não muda o fato de que sinto algo, nem diminui a intensidade do que estou sentindo. Respeite isso.

Carlos Correa
Inserida por KduCorrea

Tudo tem um fim.
Não importa quão bom seja ou o qto torture...
Nada é tão sublime ou tão sufocante que tenha a audácia de durar para sempre.
Tudo muda a todo instante e só termina qdo vc para de respirar...
Então continue respirando.

Carlos Correa
Inserida por KduCorrea

Bom seria se adquiríssemos maturidade, mas sem perder a inocência da infância...
pois só assim conseguiríamos enxergar o mundo sem perder a fé nos homens.

Carlos Correa
Inserida por KduCorrea

Em um mundo imperfeito, perfeição não é não ter defeitos, mas sim torná-los invisíveis perante suas virtudes.

Carlos Correa
Inserida por KduCorrea

Tem momentos que a gente percebe que não quer ter uma vida vazia. E aí percebe que precisa de alguma coisa que o complete, e mais que isso, que o faça ir além do que jamais imaginou ser capaz. Então percebe que precisa de algo para amar mais que a si mesmo, um objetivo, um sonho, uma meta a ser alcançada. Algo tão grande que o faça se sentir tão pequeno, e extremamente dependente disso para viver. Algo puro e totalmente necessário. Algo para o qual você queira estar vivo.

Carlos Correa

Em um mundo perfeito...

...as pessoas que a gente gosta nos trataria sempre com carinho, independente das circunstâncias.

... as pessoas falariam mais COM você, e não SOBRE você. E conversaria com você sobre qualquer coisa, sem receio.

... você se importaria mais com as outras pessoas, principalmente com aquelas que se importam com você.

... palavras teriam valor e PARA SEMPRE não duraria apenas 15 minutos.

... pessoas não buscariam motivos para causar discórdia, ao invés disso pregariam o respeito e a paz.

Mas enfim, enquanto não aprendemos a viver em conjunto, vou tentando aprender a ignorar e não sofrer com isso.

Carlos Correa
Inserida por KduCorrea

A magia dos corais transmitem a inocência dos mares,
visitam os pensamentos sonhadores,
quebranta a razão de um sábio antes de falares
que de tao nobre sua beleza causa tremores;

Com virtude e soberania
tudo se contrói mar a fora,
ao norte um veleiro subia e subia
rumo a magia da aurora;

Pode padecer a agonia
mas nunca esquecerei aquela hora...

Carlos Correa
Inserida por carlospr

Certas vezes, nós só precisamos de um pouco de carinho, tenha ele o nome que for: um amigo, um amor, uma mão estendida... Alguém que não despeje em nós as amarguras da vida ou nos cause mais dor, mas que venha abrandar nossas aflições quando nossa mente está perdida.

Infelizmente, nem todo sorriso é um amigo fiel, mas ainda prefiro um sorriso, mesmo duvidoso, do que um olhar frio, cruel e indiferente. Prefiro afeto, ainda que não me entregue totalmente, tendo ele o nome que for.

Carlos Correa
Inserida por KduCorrea

O mundo acaba toda noite quando dormimos e recomeça na manhã ao despertar. Cabe a cada um fazer seu mundo melhor.

Carlos Correa
Inserida por carlos_correa_1

O Fio das luas

Sabe eu queria te trazer um presente
De repente percebo seria um passado?
Algo que pudesse de uma forma... tocar
Uma lembrança algo além do olhar

Então chamei o vento veio de longe cansado
Suave ainda que ofegante alcançou minha face
Permiti que entrasse e num sopro ele se foi
Senti que ele aguardava mas só consegui ali dizer oi

Não sabia com certeza precisava antes
Encontrar o caminho do mar e
Longe era a distância do meu deserto
Até que o vento me mostrasse o que era certo

Clamei pela noite onde as sombras se encontram
O fio das luas conectando planos e desejos
Decidi então que toda aquela poeira e todos aqueles gravetos
Deveriam seguir rio abaixo encher de vida meu esqueleto

Nas mãos tenho a chama que aquece a mistura
Reúno as letras desconexas e as direções erradas que tomei
Por entre pequenos pedaços de respiração acrescento a melodia
Não a noite nunca chega enquanto não se der por afogado o velho dia

Na madrugada de outro sonho
O vento toca outra face
Tinha aspecto de uma criança aprisionada ao chão
De olhos fixos e sorriso aberto ao giro de seu peão

E foi já quando o dia se deu por vencido
E o vento já saía de dentro de mim
Que pude ouvir aquilo que te deixo como recordação
Um presente um passado algo insano que o vento me disse ser uma canção

Carlos Correa
Inserida por correacarlos
1 compartilhamento