Argeu Ribeiro

1 - 25 do total de 516 pensamentos de Argeu Ribeiro

Nos caracóis dos seus cabelos​

Ela enrolava os cabelos em caracol
Porque os seus pensamentos eram parafusos.
E era tudo por minha causa.

Quanto mais ela disfarçava, mais ela demonstrava,
Não sabia ela que estava no jogo do amor.

Quanto a mim?
Revirava-me na cama,
Porque bom mesmo é sonhar acordado.

No encontro do nosso beijo pairávamos no ar
Como borboletas dançantes.
E naquele cativante olhar cor de mel enlouqueci,
Enlouqueci de vez pra ser feliz de vez.

Ríamos à toa,
Na menor distância,
Corríamos para o abraço.

E tudo por causa
Dos caracóis do seu cabelo.

Antologia Poetas Brasileiros Contemporâneos - Vol. 120 (2014)
Câmara Brasileira de Jovens Escritores

Encontre ótimas poesias, contos e crônicas em: http://www.versosdaalma.com/

Argeu Ribeiro

Quando criança

Qual criança, cuja imaginação
Flui desembestada,
Desenhava as mais lindas garatujas.
Cresci...
E ficaram as mal-amanhadas letras da alma.
Passei a desenhar
As colchas de retalhos dos sentimentos.
Conservei os olhos de criança.
Eram perfeitos, Ausentes de defeitos,
Minhas palavras de efeito.
Incandescentes, Fortemente,
Incendiáveis, Apaixonáveis.
Só de olhar,
Diziam poesia encontrar.
São apenas os divertimentos
De um coração abirobado, inocente.
Exatamente como deve ser
A alma de quem ama.

Anuário da Nova Poesia Brasileira - Ed. 2015 (2014)
Pela Câmara Brasileira de Jovens Escritores

Encontre ótimas poesias, contos e crônicas em: http://www.versosdaalma.com/

Argeu Ribeiro

A alma do poeta

As palavras lhe compõem a alma,
Sua poesia indômita e desenfreada,
De agruras e bravuras,
Expõem as letras ocultas e impressas
Do seu coração.
"Más quem conheceu os caminhos de um poeta?"
Anuncie-se aos quatro ventos:
O poeta morreu esquecido,
Más perpetuam-se seus versos e sua rima.
E em face do papel, escrever
Lhe era desenhar os sentimentos.
Louvem-no ante aos portais eternos!
Exaltem-no a plenos pulmões:
O amor ainda viverá uma vez mais,
Para sorrir ao que é puro e bom.
Nas páginas douradas,
Nas letras borradas,
Vive o amor! O amor vive!
Pulsa forte o amor!
Brilha como o fulgor das constelações,
A alma do poeta, Imortalizada
Na memória dos que ainda dizem:
A poesia não morrerá jamais!

Uma das poesias vencedoras do Concurso Nacional Novos Poetas 2014 - Publicada pela Vivara Editora.

Encontre ótimas poesias, contos e crônicas em: http://www.versosdaalma.com/

Argeu Ribeiro

Aquela moça

Aquela moça,
Cujo coração gritava pelo amor.
Um dia,
O amor veio em resposta!
Então,
Ela foi feliz
Pelo simples fato de amar.
Sabe, o amor?
Pois é, ele veio...
Mui sutilmente
Batendo às portas
Do garoto e da menina,
E nada de ser atendido o seu apelo.
Más aquela moça,
Tão esperta, gritou:
Eu quero muito
Um amor pra vida toda!
E o amor atravessou a rua,
E lá ficou de mala e cuia.

Poesia publicada na Antologia "Palavras Desativadas de Tudo" - Ed. Scortecci, 2012.

Encontre ótimas poesias, contos e crônicas em: http://www.versosdaalma.com/

Argeu Ribeiro

Estas mãos minha mãe

"Se essas mãos lhe dissessem o tanto que você já escreveu."
Assim disse minha mãe, certa vez.
Sim; e como é verdade.
Minhas mãos contam relatos que eu jamais contarei.
Parecem possuir algo de sabedoria
E conhecer algo dos caminhos desta vida
Que o corpo não expressa e a mente deixa escapar.
Áh minha mãe, se estas mãos me dissessem...
Coisas inefáveis, indeléveis, inexprimíveis, imperceptíveis.
Das vezes que as neguei o desejo
Do cumprimento, Do abraço, Do tapinha nas costas sorridente,
Do café à dois e de uma boa proseada.
Quando ficaram enrústidas e não estendidas.
Más não puderam minha mãe,
Resistir a toda esta minha surdêz de coração.
Não mais se calavam, gritavam!
Não mais se continham, contendiam...!
Com esta minha infante consciência de mundo.
Rendi-me pelo profundo embate reflexivo.
Do acordo,
Estas mãos minha mãe,
Fizeram do teu filho...
Um poeta!

Poesia publicada na Antologia "Palavras Desativadas de Tudo" - Ed. Scortecci, 2012.

Encontre ótimas poesias, contos e crônicas em: http://www.versosdaalma.com/

Argeu Ribeiro
1 compartilhamento

"Ostento um CORAÇÃO, porque cada um ostenta o que tem de melhor".

Argeu Ribeiro

"Um dia, um poeta mudará o mundo!".

Argeu Ribeiro

"Escrever é desenhar os sentimentos".

Argeu Ribeiro
2 compartilhamentos

"Mil flores encontrei pelo caminho, mas eu só queria você".

Argeu Ribeiro

"Declamar é a arte de torturar o poeta, para que ele diga o que outrora quisera apenas que repousasse sobre a face do papel".

Argeu Ribeiro

"E desse tutu de saudades, contentamentos do teu beijo".

Argeu Ribeiro

"Os lírios de papel cantam à luz do luar".

Argeu Ribeiro

"Os olhos do céu estarão em teu coração".

Argeu Ribeiro

"Pra que vinho se eu tenho os beijos do meu amor?".

Argeu Ribeiro

"Ao te ver meu coração se tornou o mar, e ao invés de água, está agora repleto de felicidade".

Argeu Ribeiro

"Uns querem conhecer a China; outros a França. Eu quero apenas conhecer você".

Argeu Ribeiro

"Não; você não é minha inspiração! É a própria poesia".

Argeu Ribeiro

"Pra que wi-fi se você tem a senha do meu coração?"

Argeu Ribeiro

"Nunca vi maior paixão do que a de um menino e sua bola".

Argeu Ribeiro

"Nenhum carro oferece tanto conforto quanto os braços de quem se ama".

Argeu Ribeiro

"Em se tratando de facebook, aceito até fake. Só não aceito amigos falsos".

Argeu Ribeiro

"Tem relacionamento acabando mais rápido do que grupo em whatsapp".

Argeu Ribeiro

"O importante na vida é ter nascido no saco certo".

Argeu Ribeiro

Não terás filhos

Não terás filhos - disse-me Deus - senão os livros!
Não casarás... senão com tua arte.
Não legarás... senão a humanidade
O que te torna humano,
Mas sem ser ufano nem profano.

Argeu Ribeiro

"Fiz esta poesia com o coração, porque acabou a tinta".

Argeu Ribeiro