A.Motta

Encontrados 3 pensamentos de A.Motta

Quero ter força.

Para suportar a ansiedade inexplicável de um coração desamparado...
Que bate desritmado por aflição hora acelerado, hora quase parado.

Para acostumar-se com um embrulho gelado e vazio no estomago, que já não senti fome...
Onde borboletas infestam em vôos aleatórios toda vez à sua cabeça vem um nome.

Para manter-me calmo em momentos solitários, não deixando que se instale a melancolia...
Virando refém dos meus pensamentos e deixando que os mesmos escoam minha alegria.

Para entender que as atitudes das pessoas se alteram pelo tempo e a distancia...
E que não devo me decepcionar, pois elas tendem a conservar sua natureza e essência.

Para aplacar medos e sufocar temores que tentam me levar contra a vontade, a um lugar...
Onde não quero ir, longe de tudo aquilo que sempre quis e daquela com quem queria estar.

Para que minhas lembranças inundem minha mente e façam dela um porto seguro...
E que eu consiga seguir esta solitária jornada buscando força em anseios futuros.

Para fazer desta situação um prova, uma base de estrutura para um grande amor...
Sabendo que toda vez que se derruba uma barreira, aprende-se como é possível derrubar uma ainda maior.

Para agüentar o peso de uma saudade esmagadora, que dói no peito e confunde todo meu ser. Moldando o tempo á sua trivial vontade, esticando meus dias e multiplicando minhas horas em uma imensurável espera. Onde um coração aguarda por um tempo que não pode contar a uma distancia que não pode medir. E ignorantemente, vislumbra o reencontro onde os sentidos o avisarão, mediante ao cheiro, o calor, mediante a presença. Que sua agonia finalmente chegou ao final.

E mais que qualquer uma destas, desejo a força do seu amor, que me ajuda mais que tudo a esperar...
Fazendo de mim um homem mais feliz disposto a passar o tempo que for, pois descobriu finalmente a singularidade do prazer de AMAR.

A.Motta
3 compartilhamentos

Intimidade

Libidos acorrentados a códigos morais e normas éticas...
Olhares que refletem, como um espelho da alma.
Toda uma essência de desejos luxuriosos.
Que a boca tenta a todo custo esconder
Mas que o corpo inocentemente, revela.

Todo os sentidos viajam por colinas de volúpias
Onde o tato percebe texturas aveludadas, hora lisas, hora úmidas...
Onde o olfato percebe uma fragrância floral que transforma um mar de hormônios do desejo em um sublime riacho de prazeres...
Olhos captam curvas e traços de perfeita harmonia.
E a boca se deleita em uma dança onde sedentos lábios
Parecem através do beijo tentar provar da essência da alma.

E já não há como saber onde inicia um amante ou onde termina a outra
Gemidos e sussurros compõem uma sinfonia de intimidade
E surge no ventre, uma centelha de energia. Que ganha força segundo a segundo.
E na velocidade do piscar dos olhos, explode...

Como se uma nova estrela nascesse no universo do corpo.
O prazer viaja pelas artérias e aniquila qualquer outra sensação.
Arranhões, mordidas e gritos expelem o prazer que não é possível suportar..
E ali jazem os dois amantes...
Inertes...
Relaxados...
E deliciosamente afundam entre lençóis e almofadas...
Tendo nada mais que um corpo nu e uma imensa sensação de satisfação para se prender...
Então, em meio a abraços cansados e beijos sonolentos. Adormecem.

A.Motta
7 compartilhamentos

Amar e Ser Amado

A vida é uma constante seqüência de escolhas, algumas quase sem importância no rumo do futuro. E outras que irão mudar a vida pra sempre.
Impossível saber qual é a escolha certa 100% das vezes, mas é possível saber qual escolha não queremos para nós.

Afinal até que ponto vale a pena lutar por aquilo que se quer. Não sob o ponto de vista da perseverança. E sim do tempo perdido, desperdiçado em um batalha da qual o objetivo é utópico.

Isso é muito perceptível no amor. Todo mundo “sabe” que quando se ama de verdade, tudo deve ser feito em nome deste. Uma vez que tudo vale a pena por um grande e verdadeiro amor.

Diz-se que o amor não é um sentimento em que se troca, e sim de se doar. Dar sem pensar em receber, pelo simples fato de ver a outra pessoa feliz. E isso acontece.
Porém esqueceu-se de mencionar que o ser humano nasce e morre sozinho. É um ser por natureza egoísta. E como tal, necessita de um retorno, um reconhecendo do seu sentimento.

E isso muitas vezes é impossível, e aí vem uma questão.
O verdadeiro amor é real quando acontece sozinho, incompleto?
Onde existe a relação, do ser que ama de verdade e do ser que é verdadeiramente amado. Ao invés de o ser que ama e é amado verdadeiramente.

O que então deve ser feito, amar incondicionalmente, mesmo sem a certeza de que, presente ou futuramente, esse sentimento não possua retorno. Ou lutar para expurgar um sentimento que é oferecido a quem não o valoriza.

Não se vem a esse mundo para amar, vem-se para ser feliz. E a forma mais simples e perfeita para isso é amando e sendo amado. Uma relação completa e não algo fracionado ou ínfimo escondido muitas vezes por frases clichês de...As pessoas nunca amam da mesma maneira e intensidade.
Baboseira.

Aspectos de personalidade perfeita, e outras dezenas de adjetivos é algo fundamental.
Mas sentir-se amado pela pessoa que se dedica este forte sentimento é essencial.

Ninguém quer ser meio feliz, meio apaixonado, meio amante, meio especial. O ser humano que por completo, viver a intensidade desse sentimento importante, especial e único.
Sentir a pessoa se doar, preocupar-se, lutar seja pouco de vez em quando ou muito diariamente. Isso tudo para sentir a sensação de ser amado. Uma certeza singular de que alguém perde o sono por você, e que sua presença é algo tão especial que faz com que muitas vezes respirações sejam perdidas.

Enfim, após saber-se tudo isso. Vem o mais difícil de tudo. Tomar a atitude de tirar da sua vida uma das pessoas mais especiais para você. E resistir ao terremoto de saudade que irá bagunçar os pensamentos. E não perder a consciência que o mais importante para você é ser feliz..

A.Motta
27 compartilhamentos