2.18.14.13

Encontrados 11 pensamentos de 2.18.14.13

E AGORA??

O tempo nos apronta surpresas a todo instante, muitas vezes chegamos cedo demais, outras tantas chegamos muito tarde, mas fato que quase nunca chegamos na hora certa...
Assim é a vida, assim é o amor, assim é a inconstância das coisas...
O que vale de verdade, não é a hora que chegamos, mas sim o que fazemos quando chegamos...
Podemos deixar passar e fingir que nada aconteceu, ou simplesmente viver, e deixar que a vida nos mostre o desfecho de nossas histórias...
Os riscos disso tudo? Na verdade não existem, pois o único que há é o de conhecer o desconhecido, viver o impossível, amar o que é seu por direito, aproveitar aquilo que a vida lhe proporciona, e sentir a significância de cada momento!
Então aproveite, seja feliz, ame, abrace, beije, acaricie, e viva, tendo a certeza de que o que não viveu, não estava eu seu destino, e o que estava, viveu e aproveitou cada detalhe...

2.18.14.13
Inserida por 2181413

AQUELE SENTIMENTO

Cada pergunta que é feita,
Cada áudio que não foi aberto...
Cada momento que a vida nos sujeita,
Só mostra que queria mesmo estar perto!

Difícil explicar o que se sente,
A demora, indiferença, com certeza intriga.
O desejo do coração não nunca mente,
Como ter certeza? Aquele frio na barriga!

Sensação essa que pode ser ansiedade,
Por algo que muito se deseja...
Ficar longe, com certeza é maldade...
Pois sua presença, o coração almeja.

A proibição imposta, claro que entristece,
Com os dois a vida não foi justa.
Dos momentos com ela, não mais esquece,
E ficar com ela, não mais o assusta.

Até hoje, não sabe bem dizer,
O que nela tanto o prendeu...
Só sabe que com ela queria viver,
E esquecer o mundo que no passado viveu!

Com certeza ele ama seu sorriso, seu olhar.
Cada uma de suas particularidades.
Ama o sexo, a companhia, o carinho...

Fato que o conjunto o fez se apaixonar,
Quer entender essa paridade,
Que fez com que juntos quisessem trilhar um caminho!


Em cada detalhe que ninguém liga,
Dela ele só quer um favor...
Que a verdade sempre ela diga...
Mesmo que seja o fim de um louco amor!!!

2.18.14.13
Inserida por 2181413
1 compartilhamento

Besteira

Pode parecer besteira...
Mas espero você OnLine!
Pode parecer besteira...
Mas espero pelo Digitando!
Pode parecer besteira...
Mas espero pelo Gravando Audio!
Pode parecer besteira...
Mas sinto frio na barriga escrevendo isso!
Pode parecer besteira...
Mas nunca foi uma besteira qualquer!

Foi a nossa besteira, nosso momento, nosso segredo...

Na verdade, pode parecer besteira...
Mas nunca foi...

2.18.14.13
Inserida por 2181413

Eliza Trezza...

Olha bem onde chegamos... Um lance doido e despretensioso, e aqui estamos, apaixonados e necessitados um do outro...
Em algum momento lá atrás alguém queria que eu fizesse um pedido, um pedido maluco, um pedido de alguém casado, para alguém que namora, um pedido de “namoro às escondidas”, olha nó e mais maluco é quem faz o pedido, e mais ainda, quem aceita...
E estamos nós diante dele, o louco, a maluca, o pedido, e a resposta... Que espero que seja positiva, afinal de contas, merecemos isso tudo, buscamos isso tudo, na brincadeira nos envolvemos, nos apaixonamos, e talvez possamos um dia assumir isso pro mundo...
A primeira coisa que me veio a cabeça foi, como marcar isso... Obvio, vinho (um pedido de uma excelente sommelier, um tal de Goes), mas vinho apenas não era suficiente, precisava de algo mais, algo que você usasse e remetesse alguém, pensei “aliança?? claro que não! vocês não podem usar!”, mas o que então, olhando pra você, claro, algo que indicasse 2 pessoas, unidas por uma corrente, e que pudesse usar sem receios... Espero ter acertado seu gosto gatinha... E espero que sempre esteja usando... Ah, e claro, para você deixar onde quiser, um boneco do seu grande amor... Que tenho certeza que sempre que o assiste, bem lá no fundo, você lembra dos episódios que não víamos enquanto estávamos juntos... Espero que tenha gostado desse também... De certa forma, marcará um pouco de tudo que vivemos, e ainda viveremos...
Falando na série... Acho que preciso falar de onde veio a ideia concreta dessa loucura, daquela tal semana que passamos juntos, e que ainda causa efeitos em mim todos os dias... Foi mágico tudo aquilo, surreal, especial... Confesso que ali me apaixonei pela Eliza, pelos detalhes e particularidades, poucas confesso, mas cada uma tão marcante e especial quanto a outra... E sim, aquela semana me deu a certeza de que você era o erro que eu precisava cometer, e insistir nele, afinal insistir nesse erro não seria burrice, mas sim, paixão, amor e entrega!
Isso sem contar todo o resto que vivemos, os encontros, rápidos, mas enfim! Cada um deles abastecendo um pouquinho do que sentia por você!
Enfim, o que viveremos daqui pra frente? Não faço a mínima ideia... Sei que será bom, especial, único, insano e talvez até irresponsável, mas sabemos, e já sabíamos disso tudo!
Posso prometê-la que tentarei a cada dia manter vivo o que sentimos, sempre tentarei fazer com que seja mais feliz, sempre completando o que falta em você. Prometo nunca a fazer chorar, e se um dia isso acontecer, que seja de alegria. Prometo nunca parar de pensar em você, nunca deixar de desejar bom dia, boa noite, ser a pessoa que você corre quando tem problemas e a primeira que irá querer compartilhar suas alegrias. Prometo ser fiel ao que vivemos (mesmo que isso soe insano, nada aqui é normal). Prometo que no primeiro instante que nossas vidas se virem desimpedidas, elas se entrelaçaram, como não quis o tempo antes, e talvez venha a nos proporcionar no futuro... A e sobre o contrato, essas são as cláusulas, e o tempo de duração? Quem liga pra isso? Dure o tempo que durar, 1 dia, 1 mês, 1 ano, 1 eternidade... Mas que dure apenas o tempo suficiente e necessário, para que seja eterno em nossos corações!
Aliás... Algumas coisas que acho que precisa marcar: 18/12 (meu aniversário); 21/12 (primeira vez que nos beijamos); 24/12 (dia que não rolou no carro); 28/01 (primeira vez no motel); 11/03 (primeira vez); ___/___ (hoje) pedido oficial de “namoro não-oficial”.
Bem gatinha, acho que é isso... então, vamos ser felizes enquanto a vida nos permitir!
Com amor,
2.18.14.13

2.18.14.13
Inserida por 2181413

Eliza Trezza...

Bem, o que poderia eu dizer nesse momento?? Primeiro que com certeza você não escolheu o envelope que eu queria que escolhesse...
Direito seu de fazer essa escolha, e meu dever é apenas aceitar, e respeitar sua decisão e seu espaço, afinal, nada nunca nos prendeu, então por mais que eu sinta, isso não é nada!
Bem, não me resta muito a falar, a não ser que eu sou imensamente grato por esses quase 4 meses de rolo que vivemos. Que cada detalhe em você me atraiu, cada dia, cada conversa foi especial, cada momento ao seu lado, tudo isso fez com que me apaixonasse, e perdesse a noção de tudo que me cercava... E isso foi muito bom!
Acho que tem o direito de saber por que por você, por que agora, por que tão especial...
Então aí vai a explicação... Me apaixonei pelo seu sorriso, desde a primeira vez que o vi, algo nele me prendia, algo nele me atraía, algo nele me fazia sentir bem, feliz, com vontade mantê-lo sempre aberto e radiante, como foi durante esse pouco tempo juntos. E talvez essa foi a grande razão por ter ficado contigo, ter feito loucuras contigo, ter sido feliz contigo, simplesmente porque estar com você me fazia bem, e eu queria te fazer bem, e espero ter conseguido, ter deixado no seu coração algo de bom do Bruno que conheceu.
Sobre tudo o que vivemos, sinceramente, para mim, ainda não vivemos tudo, mas não posso decidir isso, ou saber se de fato isso era tudo ou não! Mas sinto que não... Que faltaram coisas, faltaram detalhes, faltou tempo, ah o tempo...
De fato, o tempo foi curto, e isso ficou provado na nossa semana de “casados”, aqueles dias, eram uma incógnita, e rapidamente se tornaram uma certeza... certeza que eu queria sim que nunca fosse embora, certeza que você poderia ser a pessoa certa, certeza de que tudo que eu estava vivendo fora dali era ilusão, e que talvez você fosse o que eu queria e precisava... Mas o tempo, este colocou você tarde demais na minha vida, e tirou muito cedo...
Bem, fato que me apaixonei por você, juro que se pudesse “desouvir” aquele áudio de 7 minutos, com certeza o faria. Acordei hoje (estou escrevendo isso quarta feira), olhando no celular pra ver que dia era, e se realmente tudo estava lá... Se realmente teria que me desacostumar com você, e sim, se escrevi essa carta, é porque não era terça feira de novo, e o áudio estava lá...
Bem Eliza, espero de coração que você continue sendo muito feliz, que continue com seu sorriso lindo e cativante, que continue encantando as pessoas por onde passa, que continue sendo quem é, afinal posso afirmar com toda certeza do mundo... Você vai muito além de um rosto bonito... Você é unicamente especial, e tenho certeza que a pessoa que de fato conquistar seu coração, ganhou algo que não tem preço.
Desculpe por estar atrasado alguns anos, por não ter tido coragem de jogar tudo pro alto tão rápido, por ter tido crises de ciúmes, por não ter arrumado tanto tempo, por ser ausente em corpo, desculpe por não poder ser para você o que você merecia que eu fosse...
Te desejo toda felicidade do mundo, e me despeço com um único pedido... E não é para você, mas para o tempo...
Se um dia, ainda for para nos completarmos... Que novamente cruze nossos caminhos!
Com muito carinho...
2.18.14.13

2.18.14.13
Inserida por 2181413

SEGREDOS

Todas as noites ela visita seu sonho,
Durante o dia, não sai de seus pensamentos.
Já a imaginou em todos os momentos,
E tento mostrar em cada texto que componho.

Todas as vontades ela nem imagina,
Por mais que se diga, não da pra mensurar.
A todo momento, com ela, queria estar,
E poder, a ela chamar, de sua menina.

A verdade é que, por mais difícil que pareça isso,
Ele sabe que juntos tem tão pouco tempo.
Mas sua companhia deseja sempre, e a todo momento,
Nem que só por um instante, só pra ver seu sorriso.

O grande problema é que desde o primeiro olhar,
Ele já sentia que com ela nada era igual.
Diferente das outras, com ela era especial,
E lá no fundo, sabia e queria por ela se apaixonar.

A convivência só aumentava seu anseio,
Os dias com ela nele só deixavam mais perguntas.
Com vontade e paixão, cada vez mais profundas,
Queria viver com ela, e só não conseguia achar um meio.

Desde que a conheceu, só pensava ou queria seu abraço,
Por mais insano que isso possa ser.
Mas nisso tudo, juízo não parecia ou queria ter,
Pois em seu coração ela já ocupava todo espaço.

Fato que ele o tempo todo sentia medo,
De perder aquilo que nunca um dia foi seu.
De abrir mão de um amor que ainda não aconteceu,
Dela ir embora tão logo, e tão cedo...

Seu coração por ela fora atingido como um torpedo,
E no papel ele revela aquilo que nunca é dito.
O que sente por ela, aqui fica escrito,
Mas lá dentro grita, por que aqui, não passa de segredo.

Se tem duvida de como deve chamar,
Chame do que quiser, afinal é por você Eliza.
Esse sentimento que hoje é furacão, mas chegou como brisa,
Afinal nome não importa, desde que você eu possa amar...

2.18.14.13
Inserida por 2181413

Desculpe...

Desculpe... Acho um erro te querer pra mim.
Afinal, de todas as pessoas no mundo,
Eu não imaginei nem por um segundo,
Que fosse um dia gostar de alguém assim!

Desculpe... Se não entendo o seu espaço.
Penso coisas que vão além do racional,
Vivendo esse namoro impossível e irreal,
Mas do meu coração, ocupou cada pedaço.

Desculpe... Por não poder ser o que merece.
Mas como mensurar o seu valor,
Se o julgamento é ofuscado por amor,
E o sentimento o coração não se esquece.

Desculpe... Talvez eu não seja bom escrevendo.
Sobre o que sinto e nunca digo,
Sei apenas que quero ficar contigo,
E despertar algo em você enquanto está lendo.

Desculpas na verdade não servem pra nada.
Afinal são apenas palavras aqui escritas,
De sentimentos e coisas nunca ditas,
Que se resumem em te querer como minha amada.

Enfim, seguimos vivendo essa doce experiência.
Sentindo amor, calor e cumplicidade,
E nos momentos de maior simplicidade,
Possamos nos entregar, e viver toda essa indecência.

Não sei se traduzi um pouco do que sinto.
Mas quero que saiba de verdade,
Que por você quero mais do que saudade,
Quero poder te amar, e me perder em seu labirinto...

2.18.14.13
Inserida por 2181413

Cartas Para Alguém Especial...

Lembro-me de cada detalhe seu, cada instante que passamos juntos, cada sorriso, discussão, beijo, toque, cada lembrança que se esquece, faço questão de lembrar...
Por que lembrar tudo isso? Acho melhor perguntar, por que iria me esquecer...
Não sei como as coisas vão, como estão, na verdade tudo vive em uma inconstância, no meu próprio inferno astral... Culpa de quem? Exato, de ninguém a não ser minha...
Tenho medo de não mais acontecer nada, tenho medo de sexta feira nunca acontecer, tenho medo de não mais ter que sentir esses medos...
Sim, posso ter tentado esconder no começo... Mas sou extremamente inseguro com tudo, e sabe disso (mesmo com o que não poderia ser).
Te quero mais do que devia, e te tenho menos do que queria.
A grande verdade é que você nunca devia ter existido, mas agora é tarde... Você existe, existiu... Eu não poderia ter te querido, mas quis, você não poderia ter me aceitado, mas aceitou...
Só queria poder voltar no tempo e mudar tudo, não tudo sobre você, mas tudo ANTES de você, pra que quando você acontecesse na minha vida, pudesse acontecer com toda a dedicação e intensidade que merece e precisa...
Eu sei o que deve estar pensando sobre isso tudo, e talvez eu pense da mesma forma, a diferença, é que você aceita a realidade, enquanto eu quero mudá-la, mesmo que em sonho...
P.S.: Falando em sonho, obrigado por me visitar quase todas as noites, e me lembrar que tê-la só um pouco, é muito melhor do que me contentar em ter você só na saudade...
Se eu pudesse dizer algo, diria apenas que te quero aqui. Que deixe que eu te queira desse jeito louco, e que me queira assim doido mesmo.
Afinal, amo esse seu sorriso, amo seu jeito, seu toque e seu beijo...
E não quero deixar de amar...
Acredito, conto dias, horas e minutos até vê-la, e tento não contar o tempo que está longe... Só queria que o tempo passasse da mesma forma quando estou contigo, como passa quando tenho que esperar pra te ver...
Enfim, acho que nos resta esperar pelo que o futuro nos aguarda. E torcer para que o tempo nos seja generoso.

Espero por você ainda todos os dias... E espero mais que isso, que sua espera seja e mesma e tão intensa quanto a minha.

E.T.

s2

2.18.14.13
Inserida por 2181413

O DOCE ACASO

Foi especial desde o primeiro momento,
Mesmo sabendo que não deveria ser.
A distância e ausência viraram tormento,
E não sabia o porque disso acontecer.

Ela mostrou um mundo, por ele esquecido,
Mesmo que durasse só alguns instantes.
Tanto que, sentir algo que seja parecido,
Não sabia, talvez tenha sido muito antes.

Duro lembrar-se cada detalhe seu,
Até o vestido que usava quando a viu.
Ou das vezes que tinham tudo e nada ocorreu,
Ou até do dia que de sua casa ela saiu.

O mundo em sua cabeça, é cheio de beleza,
De coisas que ele sabe, e não pode desabafar.
Estar com ela, faz esquecer todas as tristezas,
E queira aquele momento eternizar.

O mundo de fantasias é mesmo perfeito,
La ele pode livremente viver e sonhar.
La, fazer o que quer ele tem direito,
O difícil é da realidade separar.

Erros e excessos, a todo momento são cometidos,
Talvez por não saber o lugar certo.
Duros ônus de amores proibidos,
E da vontade incontrolável de querer estar perto.

O grande problema disto tudo,
É não saber expressar o que de fato sente.
O sentimento enorme deixar mudo,
E pra certas coisas se fazer indiferente.

Pior espera é pela resposta,
Que talvez não venha, e por que viria?
O silêncio da pessoa de quem gosta,
Responde tudo, até o que não queria.

Até onde vai a inspiração, para textos produzir,
A vontade de te escrever, e expressar com clareza?
Por mim 2.18.14.13, por muito irá existir,
Enquanto na sua vida estiva uma tal de E.T.

2.18.14.13

>.<

Eu não sei se ainda entra aqui...
Se sim, então isso é algo feito para você, se não, então isso nada mais é do que um texto, escrito à toa, por alguém à toa...
Mas enfim... Só queria que soubesse que foi especial... Que teve um significado que transcendeu qualquer imaginável, qualquer coisa que pudesse pensar, que foi muito mais do que qualquer idealização que poderia ter sobre "ter um caso"...
Se acabou ou não? Não sei, provável que sim, mas não importa... Estará sempre aqui...
Gostar, sei que gostamos, querer, sei que queremos, poder? Esse é o grande ponto... Não podemos, não como estávamos, não como gostaríamos, não como queríamos...
Só posso lhe dizer que foi bom, que foi intenso, que foi verdadeiro...
Não parece, mas entendo seus questionamentos, suas frustrações e suas agonias... Entendo você, entendo a nós, e entendo o que vivemos...
Peço desculpas se não foi o que pensou, se não foi o que poderia ter sido, se não continuou sendo...
Bem, não consigo encontrar palavras para dizer isso tudo... Não consigo expressar o que sinto, o que quero dizer, não consigo me mostrar plenamente a você, talvez porque não queira invadir seu espaço, ou talvez porque sentimentos não podem ser traduzidos, muitas vezes...
Apenas sinto, apenas vivo, apenas quero, apenas, apenas, apenas...
Deixo-lhe um beijo...
Um adeus...
Ou quem sabe, um até logo...
E deixo também a certeza de que não foi "só um caso"...
Se cuida...

2.18.14.13
Inserida por 2181413

???

O que define um momento?
Quanto tempo exatamente dura o agora?
O que de fato é um sentimento?
Por coisas passam rápido, e outras demoram?

Perguntas como essas são feitas,
Quando estamos diante do que não sabemos.
Quando vimemos experiencias quase perfeitas,
E o seu futuro, simplesmente, desconhecemos.

De fato, a vida nos prega várias peças,
Nos colocando em situações inesperadas.
O mal é que esses momentos passam depressa,
E quando percebemos, são coisas já passadas.

Talvez em algum outro lugar,
Fora do que chamamos realidade,
Os caminhos sempre voltem a se cruzar,
E o resultado seja diferente, com mais verdade.

A ideia do existir em outra existência,
Assusta, mas nos traz esperança.
De que noutro lugar, noutra consciência,
Possamos ser felizes, com inocência de criança.

Pensando no que escrevo, admito parecer insano,
E que diferença faz, se nada disso é factível.
De tudo que se vive, o único fato, se não me engano,
É que viver, pensar ou dizer tudo que quer se quer, é impossível.

2.18.14.13
Inserida por 2181413