Jean Paul Sartre

Cerca de 134 frases e pensamentos: Jean Paul Sartre

Nunca se é homem enquanto se não encontra alguma coisa pela qual se estaria disposto a morrer.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., A Idade da Razão, 1945

O importante não é aquilo que fazem de nós, mas o que nós mesmos fazemos do que os outros fizeram de nós.

Jean-Paul Sartre MACIEL, Luis Carlos, "Sartre vida e obra", Editora Paz e Terra, 1986

Nasci para satisfazer a grande necessidade que eu tinha de mim mesmo.

Todos os homens têm medo. Quem não tem medo não é normal; isso nada tem a ver com a coragem.

Não há necessidade de grelhas, o inferno são os outros.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., Entre Quatro Paredes, 1945

Detesto as vítimas quando elas respeitam os seus carrascos.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., Os sequestrados de Altona, 1959

A violência, seja qual for a maneira como ela se manifesta, é sempre uma derrota.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., Situações III

Um amor, uma carreira, uma revolução: outras tantas coisas que se começam sem saber como acabarão.

Jean-Paul Sartre

Nota: citado em "Psicocronicando", Emílio Figueira, Clube de Autores, 2007

Ser-se livre não é fazermos aquilo que queremos, mas querer-se aquilo que se pode.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., O ser e o nada: ensaio de ontologia fenomenológica, Rio de Janeiro, Ed. Vozes, 1997

Cada homem deve inventar o seu caminho.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., A Idade da Razão, 1945

Não fazemos aquilo que queremos e, no entanto, somos responsáveis por aquilo que somos.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., O Existencionalismo é um Humanismo, 1946

O homem não é nada mais do que aquilo que faz a si próprio.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., Entre Quatro Paredes, 1945

O homem não é a soma do que tem, mas a totalidade do que ainda não tem, do que poderia ter.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., Situações

Quando os ricos fazem a guerra, são sempre os pobres que morrem.

Jean-Paul Sartre O Diabo e o bom Deus. São Paulo: Círculo do Livro, 1974.

Eu era uma criança, esse monstro que os adultos fabricam com as suas mágoas.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., As Palavras. 2.ed. Rio de Janeiro, Nova Fronteira, 2005

O que é o materialismo, senão o estado do homem que se afastou de Deus; (...) ele passa unicamente a preocupar-se com os seus interesses terrestres.

És livre, escolhe, ou seja: inventa.

Ainda que fôssemos surdos e mudos como uma pedra, a nossa própria passividade seria uma forma de ação.

Um homem não é outra coisa senão o que faz de si mesmo.

Jean-Paul Sartre SARTRE, J., Entre Quatro Paredes, 1945

O desejo exprime-se por uma carícia, tal como o pensamento pela linguagem.