Wellington Sá: Pareço não me importar, mas no fundo...

Pareço não me importar, mas no

fundo tudo isso me machuca. Corrói

tudo aqui dentro. Apaga as chamas de esperança restantes em meu coração.



É como uma enxurrada que vai

levando tudo o que vê pela frente.Assim, sobra apenas o vazio. Um vazio preenchido pela dor, pela

angústia.

Mas eu deveria saber que

finais felizes não existem, que não

passam de uma frase no final dos

contos de fadas. Eu cresci, e não sou

mais o ingênuo que muitos pisaram,

rotularam. Pisei em falso, e isso me

machucou, me feri por inteiro, corroí

dores, e amores.

Hoje, me sinto sozinho, não por pura escolha, mai por rotina, me fecho e um mundo, onde você não me faz mais sofrer, esse amor todo que eu sentia, coloco em frente apenas a mim. Como se fosse fácil deixar de lado tudo o que passou, e seguir em frente. Como se fosse fácil parar de te amar, ou esquecer que um dia você foi tudo pra mim. A verdade é que eu

amadureci rápido demais, aprendi a

sobreviver com o pouco, e o tudo se

foi, você se foi … A importânte hoje é meus sentimentos serem preservados.

Prefiro desta maneira, se sofrimentos, sem angústias, sem reviravoltas de emoções, apenas um

dia após o outro, e quem me amará de verdade virá até mim, não preciso procurar algo que o Destino já preparou. E hoje, eu sei, não era amor o que eu sentia.

Amor não trás sofrimento, dor,

solidão, não machuca, apenas cura. E

o amor verdadeiro quando vier, fará renascer minha alma, fará o

aroma gentilizar meus movimentos,

com os olhares guiantes de um dança

sem fim, lembranças para um dia

comum, que alimenta meus sonhos de menino, que faz com que seja eterno que sente. E quando chegar irei simplesmente amar verdadeiramente com todas as minhas forças!

Desta vez.Vai ser de Verdade!

1 compartilhamento
Inserida por wellingtosawtv