Joel Leite da Silva Andrade: O VERDADEIRO CAMINHO Ensinavam os meus...

O VERDADEIRO CAMINHO


Ensinavam os meus pais quando ainda estava no ninho qual seria o meu caminho.
Depois daqui vamos morar com o nosso criador em um lugar chamado céu.
Mas, o que tenho de fazer?
Simplesmente aceitá-lo como mestre e salvador, nada, nada a pagar, tudo de graça.
Nada a fazer. Ele o Cristo já fez por você!

Ambulantes, vendilhões começaram a gritar enganando corações.
É precisar trabalhar, necessário dizimar, um templo a freqüentar, senão vai te castigar, é preciso obedecer.
Não quero mais continuar; jamais poderia pagar o preço que ele pagou.
Não és mais o meu senhor! Abandonou-me o criador!

Minha alma esmorecida em meu melancólico repouso, uma forte voz surgiu.
Tu ganhaste a liberdade!
De maneira alguma irás perder!
Foste enganado por homens que nem eu mesmo lembro o nome e jamais quero saber.

Seguir-me é conhecer A verdade, nada mais podeis fazer; só um é que conseguiu.
Sobra manipulação, apetites de corrupção, que não faz parte de mim, mas, continuará a acontecer.

Quero chamar-lhe atenção.
Porque olha para os homens e não olha para a cruz?
Não se importe com o que dizem o que importa é o quanto o amo.
Foi infiel? Não me importo! Eu sou fiel!
A única coisa que quero é que descanse.
Repouse em mim, crendo que subi ao Pai,
Volto! O levarei comigo!
FUI PREPARAR-VOS LUGAR!

1 compartilhamento
Inserida por joelleitesa