Heloisa Marques: “Tô trancado no meu quarto meia noite...

“Tô trancado no meu quarto meia noite sem ninguém, eu não durmo mais pra mim ta tudo bem, e lá fora o vento sopra, aquele som que a noite tem, eu não ligo mais ta tudo bem. (...)” Tento dizer que está tudo bem, mais na verdade não está, pois tudo me lembra você, tudo me lembra teu jeito, teu sorriso, teu carinho seria porque eu te amo? Mais como amar e não ter coragem de demonstrar tudo o que sente? Complicado isso, e não tem realmente pra onde correr, pior era passar por uma vida onde tudo era perfeito, na minha mente perfeito, vem após o imperfeito, como você saberia o que é perfeito se não existisse o imperfeito? Como você saberia o que é lindo se não existisse o feio? Como seria para você descobrir o amor se não existisse o ódio? Pra dizer a verdade meu problema é sempre ver coisas perfeitas, onde deveria ser o imperfeito, é ver lindo onde deveria ser feio, é ver amor onde deveria ver ódio, acho que achei uma certa definição para isso, simplesmente os opostos se atraem.

1 compartilhamento
Inserida por biankinhasantos