Ismael Azevedo: Perfume, aquilo que não se vê, mas se...

Perfume, aquilo que não se vê, mas se sente, marcas de um tempo, de uma pessoa, marcas de mim. Sensação que vem, que vai, lembranças que passam com um simples respirar, chama saudosidade, brinca com nossos corações e briga com nossos olhos. Perfume, a essência de mim que mora em você, escondido no olfato, virando fato que lembrou ato.

1 compartilhamento
Inserida por MaelAzevedo