Felipe Fellini: Olhem para nós, sempre correndo, sempre...

Olhem para nós, sempre correndo, sempre com pressa... Sempre atrasados.
Acho que é por isso que nos chamam de "a raça humana".
O que mais precisamos nesse mundo é de AFETO.
Para algumas pessoas acontece de cara, do nada, a primeira vista. Quando você acha a pessoa certa é o destino exercendo a sua magia e é ótimo quando isso acontece. Você fica sentindo aquele friozinho na barriga que parece que nunca vai passar.
Mas nem sempre funciona assim! Para o resto de nós é um pouco menos ROMÂNTICO. É complicado e confuso, são momentos errados e oportunidades perdidas. E... Não ser capaz de dizer o que precisamos dizer quando precisamos dizer. É isso que acontece comigo. Isso de não ser capaz de dizer o que deve ser dito, ser preso por essa "trava de segurança" que não permite nos entregarmos a esse sentimento forte e poderoso que os antigos sábios deram o nome de Amor. Será esse "Amor" o maior medo da "raça humana"? afinal, o Amor nos tira do prumo e nos deixa sem o controle da situação e isso que tememos, queremos sempre ter o controle da situação, ser dono de nós mesmos e isso nem sempre nos é permitido quando estamos apaixonados. Paixão, Amor... Eles dão aos nossos corações as funções do Cérebro e por experiência prórpia, não é bom pensar e agir de acordo com os designios do Coração, ou nem sempre (risos).
Aaaaahh! Oque que eu estou tentando fazer aqui? Explicar os prós e contras de amar e estar apaixonado? porque se for isso é bem capaz desse cara aqui passar a noite toda sobre esse teclado escrevendo isso e mesmo assim nao chegaria a um consenso. Então, me resta apenas deixar um conselho. Viva, se apaixone, Ame e sofra. É isso mesmo, sofra pois o sofrimento faz parte e não tenha medo de sofrer, por que, se o seu Amor tiver que ser seu a felicidade que ele trará pra você será infinitamente superior a qualquer sofrimento passado.
Sem mais palavras.

2 compartilhamentos
Inserida por lipefellini