Gabi Fontoura: Beber, amar se arrepender... E lá vou...

Beber, amar se arrepender...
E lá vou eu dizer a mesma coisa:
Tô com saudade.
Odeio, Odeio, Odeio!
Pior ainda., Saudade de você!
Mas não é uma saudade casual, é uma saudade induzida! Fico lembrando das coisas, das palavras, do cheiro, do toque - e nesse frio- lembro de tudo.
Não sem querer como antes, mas de propósito!
Sabe por que?
Por que to sozinha! Sou muito pouco pra me fazer compania, e devo confessar: Não acho a solidão uma boa pedida. É eu menti, e daí?
Preciso me convencer de que to indo bem, e que não preciso das pessoas ( homens), e de que não preciso de ninguém pra ser feliz, preciso estar firme e forte naquela de que " ser solteira é melhor", até por que eu estou solteira, então não tem muito pra onde correr.
As vezes até me confundo, nem sei de quem sinto falta, nem sei de que sinto falta.
Acho que são os beijos, o cheiro, a voz, o olhar ( droga de olhar), mas deve ser isso.
Acho que sinto falta de brigar com você, de te chamar de idiota quando você ia embora, depois de ter brigado por eu ter bebido demais. Hipócrita!! Eu só bebo por culpa sua, por que sem beber é mais difícil, mais racional, quando eu tô bêbada não tô nem aí pra o que é certo, só penso no que é bom, e você é bom bêbado, e eu bêbada, somos bons assim, dois falsos. Eu finjo que você é meu, e você finge que eu sou tudo que você precisa. Dois canalhas, eu por que sei que sempre vou me arrepender de ter reacendido isso, mesmo querendo sempre fazer a mesma coisa, e você por que sabe que não gosta de mim, não me ama, não me quer pra nada sério, mesmo sabendo que estou seriamente envolvida e apaixonada por você.
Mas o que me alivia é saber que você não me encara sem beber, você só admite que me quer quando começa a beber...agora fico na dúvida, não sei se é por que eu sou muito chata, burra, beijo mal, ou por que sou boa demais pra você ter coragem de me machucar. E bebendo você não pensa se tá me machucando.
No mais... Eu sinto muita vontade de te abraçar, por que seu abraço é tão confortável e quente, e negro e cheiroso.
Eu sou idiota, mas sei que um dia, você vai me encontrar e babar...pensando: " Por que eu não tentei?"



"Ria de mim, mas estou aqui parada, bêbada, pateta e ridícula, só porque no meio desse lixo todo procuro o verdadeiro amor. Cuidado comigo: um dia encontro."
(Dama da noite) - Caio Fernando Abreu

1 compartilhamento
Inserida por GabiFontoura