Mayara Floss: Frações Confesso que quero minha...

Frações Confesso que quero minha vida-poesia Minhas rédeas soltas E menos uma estatística Na minha vã filosofia E peço para todos os místicos Uma sentença Para ... Frase de Mayara Floss.

Frações

Confesso que quero minha vida-poesia
Minhas rédeas soltas
E menos uma estatística
Na minha vã filosofia

E peço para todos os místicos
Uma sentença
Para o meu desconforto

Às vezes esqueço que
o lado esquerdo é o do coração
Me desculpe mas deixei cair os dados
E espero que minha fé não seja em vão

Perdi meus documentos
E penso num disco voador
Na minha sacada
E deixei minhas crenças na mesa

E se o vinho manchou a toalha
Espero que o futuro
Não passe deste infortuito
E que a vida fique por medida

No infinito dos dias
das frações do tempo
Divididas de mão em mão

Deixo minhas palavras ou meu
Silêncio para a próxima música
tão eterna quanto este instante

1 compartilhamento
Inserida por Chir