Dniri: Sou o vinho que nunca acaba a solidão...

Sou o vinho que nunca acaba a solidão ao cair da tarde o banho quente que revigora a massagem que consola Sou chuva que molha as mãos entrelaçadas Sou céu estre... Frase de Dniri.

Sou o vinho que nunca acaba
a solidão ao cair da tarde
o banho quente que revigora
a massagem que consola

Sou chuva que molha
as mãos entrelaçadas
Sou céu estrelado
no vento da noite fria

Sou a viagem às origens
o quintal perdido
Sou o sonho impossível
a distância inalcansável

Sou a fuga e o fugidor
a dor da lágrima
o calor do abraço
no reencontro

Sou o que te falta
o que mais odeia
e por isso te completo
sendo eu apenas metade

Sou porto seguro
chama de vela
açoitada por um forte vento
sou o mar elameado

Sou teu, ainda que livre
sou a angústia
Sou o pecador
a espera da redenção

2 compartilhamentos
Inserida por Dniri