Kamylla Cavalcanti: A Última Carta É totalmente...

A Última Carta
É totalmente insuportável querido ter que escrever-lhe neste estado, não pense que não o amo, amo-te com a itensidade das forças que ainda me restam, apenas estou cansada...e hoje sei que Deus está me dando a oportunidade de descansar...
Perdoe-me por não confiá-lo minhas angústias, só estava quieta esperando que elas fossem embora...mas elas não foram...e até agora ainda as sinto latente vagando em minh'alma...
Hoje sei que não posso mais lutar, não me considere fraca não suportaria...lutei enquanto pude, tenha certeza que muitas vezes sorri quando minh'alma chorava...se debatia pedindo socorro...
Preciso dizer-te que embora a felicidade não tenha me visitado nesta vida, minhas maiores alegrias foram ao seu lado, meu anjo...se puder me encontrar com quem hoje me leva pedirei que o livre da angústia da minha perda, o pouco de crédito que tenho no céu usarei por você...usarei pra você...
Demorou mas hoje sei que nasci com a dor do mundo em minhas costas, nosso amor aliviou muitas delas, não pense nunca que não me ajudou...a verdade é que carreguei um fardo pesado demais pra dividir com a pessoa que mais amei na vida...sabes o quanto amo a justiça por isso nunca permitiria que minhas tristezas roubassem-lhe os sorrisos.
Prometo-te que até meu último suspiro pensei em nós...pensei nos teus olhos e os quis como nunca mas sei que se os vissem agora pela última vez não iria ter paz pra aceitar a minha partida...a minha partida pra longe dos teus olhos...
Despeço-me e beijo-te com meus pensamentos, como a primeira vez, lembra amado? Agora já sinto a paz de quem esperou a vida toda por um consolo...não chores...preciso fazer-lhe um último pedido: reconstrua sua vida...agora entendo que sofrerás e isso me dói tanto,tanto,tanto...mas vai passar não é isso que tanto me dizias quando em prantos encostava minha fronte na tua?Olhe o horizonte com esperança...com toda esperança que hoje me falta.
Posso ir em paz pois sei que cumprirás o meu pedido, teu maor nunca permitiu negar-me nada...Saiba que amo-te e o fato de aceitar meu breve destino não significa que desisti de nós...a vaga de anjo da guarda que abri no céu será minha...sinta que te cuidarei...pela eternidade te cuidarei...até quando meus cuidados trazer-te de volta ao nosso lar.

1 compartilhamento
Inserida por kamylla23