Letícia Nogara: Pra que tanta coisa pra fazer você...

Pra que tanta coisa pra fazer você sofrer, não é mesmo? Quantas lágrimas derramadas, e quanto sofrimento. E sempre você se pergunta, porque tudo isso acontece com você. Nada parece ter sentido, você se perde, mergulha num mar de ilusões e acaba se afogando. O amor não te abandonou, só perdeu seu endereço. E a felicidade? Bom, a felicidade em algum momento achará seu endereço e te encontrará. É só isso. Essa é a realidade. Nesse mundo passamos a achar que tudo é lindo, tudo é perfeito, e mal percebemos que cada dia que passa a vida é mais difícil. Hoje pode ter sido fácil, amanhã pode ser difícil e depois de amanhã é possível que você encontre seu verdadeiro destino.

Estranho essa bipolaridade, estranha essa paz e esse desamor que surgem do nada, como uma estrela cadente, que logo some no ar. Lamento os momentos em que você derramou lágrimas por pessoas que não mereciam uma gota sequer que caiu. Lamento as vezes em que você caiu, se machucou, e não surgiu ninguém em meio a tanta gente para estender a mão e te dizer: “Olhe, estou aqui e não quero te deixar cair nunca mais.”

Boa parte de todos os seus sonhos foram perdidos por falta de tempo, ou por falta de amor. A lamentação tomou conta de você. E já tomou conta de mim também. Sei que muitas vezes a sua vida pareceu que não tinha sentido pra ninguém, e você acreditou, e acreditou que sua vida não tinha sentido nem para você mesma.

Você sentiu que o amor tinha te abandonado, que todos tinham te abandonado. Mas a realidade é que seu sofrimento era tanto, que você nem enxergava. Você chorou, e sua visão estava embaçada, você não se lembra?

Mas você aprendeu. Aprendeu que a felicidade aparece de vez em quando. Mas mesmo que às vezes esse “de vez em quando” seja raro. Você deve acreditar que ele chega. Não acreditar que o que vem no futuro é pior do que o que veio hoje. Não se sinta mal. Não tenha vergonha de chorar. O sorriso tem mais valor quando você chora, cai, não olha para trás, e mostra pra todo mundo que teve forças pra se levantar, lutar e sorrir de novo.

1 compartilhamento
Inserida por leticianogara