Élida Marques: A quem me veja com uma menina...

A quem me veja com uma menina mimada;como uma mulher que ainda não cresceu;ou apenas uma menina que não se decide se é um Menina Mulher ou uma Mulher Menina...Taí sou o que você merecer que eu seja, seja uma Mulher Menina ou uma Menina Mulher, sou alguém que ainda acredita na inocência de um sorriso, de que amigos de verdade exista, e que mesmo longe das pessoas que amamos não estamos sozinhos, sou alguém que aprendeu a viver sem o brilho de um olhar de um ente querido, e que mesmo assim todos os dias pela manha agradece a Deus pelo Dom da Vida, pelo ar que enche meus Pulmões, e pela Esperança que todos os dias bate a minha porta e me pergunta se existe um lugar para ela na minha casa...E eu correndo abro as portas, abro as janelas, abro todos os cantinhos possíveis e impossíveis para que ela adentre minha casa e me ajude nessa luta diária, eu tenho a Esperança que tudo dará certo, que seja o Certo de Deus e não necessáriamente o que eu Julgue Certo. Elida Marques 19/09/2010 ...11:20hs.

1 compartilhamento
Inserida por elidamarques23