Afonso Damasceno: A solidão que me atormenta diariamente...

A solidão que me atormenta diariamente
consome-me por dentro
e rasga todas minhas melhores lembranças
que construi contigo desde que me conheço
agora sao aguas passadas da solidão,
e vou-me erguer da escuridao, para a luz
erguer minha cabeça e vou esqueçer meu passado,
caminhar para o futuro, onde sei que vou ser feliz
e sei que vou encontrar pessoas que irão te substituir
e tu o que sofri fez-me mais forte para enfrentar o desconhecido...

1 compartilhamento
Inserida por Afonso-SP