Milla: "Todo amor é inútil, recluso e...

"Todo amor é inútil, recluso e invisível quando não transcende nos detalhes" (CCE)

Tenho o defeito de me apegar aos mínimos detalhes, de me importar com coisas que a maioria das pessoas não se importam, minha felicidade é feita de pequenos atos.
Não tema a perda, desde que haja absoluta e extrema sinceridade, minha intuição me irrita, às vezes, mas não é algo que eu possa controlar.
Admita erros, mas lamente por eles. Peça desculpas, desde que sejam sinceras e que haja o menor interesse em fazer com que alguma coisa mude, caso contrário, não se dê ao trabalho.
Deixe que o momento de fervor vá embora, e que a serenidade volte a reinar, não sou feita de ferro, e também tenho meus deslizes.
Sempre irei desculpar os seus erros, aceitar e me acostumar, e até gostar dos seus defeitos, mas seja transparente e sincero o tempo inteiro, e em "tempo real", por mais que isso venha a me preocupar ou me incomodar.
Vai ficar tudo bem, sempre fica tudo bem.
Te amo.

3 compartilhamentos
Inserida por LoidszDebi