Ariana de Souza: Vende-se paz A quem possa interessar,...

Vende-se paz

A quem possa interessar, sei bem onde encontrar,
Essa tão sonhada paz.
Temos várias unidades, mas só há uma verdade,
Muitos querem enganar.
Como podes lá chegar? É fácil de achar.
Atenção, vou te mostrar!
O caminho, com cautela, tu terás que procurar,
Pois terão muitas mazelas até que possas encontrar.
Não tem forma, não tem cor,
Não tem cheiro e nem sabor,
Sem medidas e sem peso.
Calma! Não tenha medo!
Muito em breve e sem segredos,
Tu, enfim, a terá.
Muitos dizem encontrar, mas pergunto: será?
Que nome podes dar?
Uns a chamam de riqueza, mas te digo com certeza:
Traz consigo uma tristeza que nem posso calcular.
Outros chamam de beleza, que também é passageira,
E tão logo te deixará;
Seu preço? Incalculável.
Seu valor, imensurável.
Muda toda sua vida, sarando suas feridas.
Tudo novo se fará!
Como podes tu comprar?
Não precisa se assustar,
É gratuito, pode contar,
Pois o preço já foi pago, muito sangue derramado,
Bem ali naquela cruz;
Essa paz que me refiro, é chamada de Deus vivo,
Eu conheço e é JESUS!

Inserida por nana_purcina