Dry Torres: A mulher é forte, maravilhosa,...

A mulher é forte, maravilhosa, guerreira isso tudo é fato e todos nós sabemos. Mas o que poucos param para pensar é que dentro desse estereótipo social existe um ser humano que tem seus desejos, suas fraquezas e seus sentimentos. E que após uma longa jornada entre acordar cedo, passar duas horas ou mais no trânsito no trajeto de casa para o trabalho e vice versa, somando-se ai em média quatro horas diárias; chegar em casa, cuidar dos filhos, da casa e do marido, essa mulher também tem que se dar o direito de descansar.
Nesse dia internacional da mulher muito se fala desses super poderes das mulheres, mas na realidade não é assim que me sinto. Não tenho super poderes, estou cansada de ter que dar conta de tudo e estou cansada desse padrão de mulher maravilha, no qual, a casa tem que estar sempre impecável, roupas devidamente passadas. Ressalto que esse padrão de mulher é imposto pela própria mulher.
Ainda acredito num futuro melhor para nós, onde as tarefas de casa são igualmente divididas entre o casal e filhos. Acredito ainda que as mulheres precisam mudar porque a maior parte dessa desigualdade vem da educação que nós damos para os nossos filhos. Precisamos reconhecer que nós não temos que nos impor ou nos cobrar para dar conta de tudo e ser o padrão social, não precisamos disso! O que temos que entender é que nós também temos um limite. Quantas vezes deixamos de brincar com nossos filhos porque temos que cuidar da limpeza da nossa casa? Quando na verdade isso pode esperar.
Fico admirando a capacidade de mudança dos homens que aceitaram ao longo dos anos, que a mulher também pode gerar renda para o lar. No entanto, em muitos casos, não vejo essa mesma capacidade de mudança no pensamento de que as tarefas e os cuidados com a organização da casa também é uma obrigação que deve ser compartilhada, dividida entre os casais.
Contudo, mulheres vocês realmente parecem ser seres em constante evolução, adaptáveis, flexíveis, lindas, maravilhosas, perseverantes, mas, não são super poderosas. Que nós possamos nos dar o direito de reconhecer que somos seres humanos, que não devemos nos cobrar demais, que está tudo bem em não dar conta de tudo o tempo todo. E que além de tudo, nós possamos aprender a valorizar os verdadeiros momentos, e que a limpeza da casa não tire de nós a delicadeza de valorizar os momentos importantes com nosso familiares e principalmente com nossos filhos, porque a única certeza que temos é que o tempo passa depressa demais.

Inserida por DRYTORRES