Ministério pãodiário: Uma boa rendição A piedade com...

Uma boa rendição

A piedade com contentamento é um grande ganho. - 1 Timóteo 6: 6

A rendição não é uma palavra muito popular. Nós o usamos em referência à humilhação que acompanha a derrota. Quando uma nação perde uma guerra, pode ser forçada a se render incondicionalmente e não tem voz nos termos da derrota.

No entanto, há um tipo de entrega que é digna e apropriada. Paulo entendeu isso em dois aspectos. Primeiro, significa entregar nossos desejos e vontade ao Pai celestial. Jesus é nosso exemplo, porque Ele fez a vontade do Pai em tudo (João 6:38).

O segundo aspecto é a nossa aceitação da suprema soberania de Deus. Isto é marcado por nossa percepção de que as coisas nem sempre seguem nosso caminho quando Deus realiza Sua vontade na terra. Nosso negócio passa por bons e maus momentos. Nossa saúde pode sofrer. Os entes queridos nos ferirão, nos deixarão ou até morrerão. Nossos melhores sonhos nunca podem ser realizados.

No sentido espiritual, render-se significa que confiamos em Deus para fazer o que é melhor. É, como disse Paulo, escolher ficar contente “em qualquer estado que eu seja” (Filipenses 4: 11-12), e conhecer pela fé que Deus cuidará de nossas necessidades (v.19). Esse tipo de fé não é fácil. Mas é a única maneira de superar a insatisfação e raiva sobre circunstâncias incontroláveis.

Talvez seja a hora de dizer “eu me rendo” ao Senhor e à Sua perfeita vontade e plano.

Pegue meu amor - meu Deus, eu derramei
em Teus pés seu tesouro;
Tome eu mesmo - e eu serei
sempre, somente, tudo por você. —Havergal

A rendição é a vitória quando nos entregamos a Deus. David C. Egner

Inserida por 2019paodiario