Ministério pãodiário: Terminando a corrida Combati o bom...

Terminando a corrida

Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé. - 2 Timóteo 4: 7

É fácil viver uma vida longa, pelo menos na América. Veja as estatísticas: de cada 100.000 pessoas, 88.361 atingem 50 anos de idade, mais de 70.000 chegam a 70 e quase 17.000 chegam a 85 ou mais. Permanecer por muito tempo, no entanto, não deve ser nosso objetivo principal. Em vez disso, devemos nos preocupar em dar significado e valor a todos os nossos anos e não deixá-los acabar em vergonha e desgraça.

Como terminamos a corrida depende em grande parte do ritmo que definimos ao longo do caminho. Joseph Wittig observou que, quando escrevemos as biografias das pessoas, devemos começar com a morte delas, não com o nascimento delas. Afinal, não temos nada a ver com o modo como nossa vida começou, mas temos muito a ver com a maneira como ela termina.

Quando Paulo escreveu 2 Timóteo, ele estava em uma masmorra romana aguardando execução. Ele disse: “Eu já estou sendo derramado como oferta de libação, e o tempo da minha partida está próximo” (4: 6). Naquele momento, ele pôde testemunhar: “Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé” (v.7).

Nós também podemos acabar bem com a raça cristã, mesmo se começássemos tarde, começássemos devagar ou vacilássemos ao longo do caminho. O segredo é permanecer fiel a Cristo até o último momento.

Apenas viva sua vida diante de seu Senhor,
Suba a esse plano mais elevado e nobre -
Com um único olho Sua glória busca,
E você terá Seu ganho de aprovação. —Rae

Aquele que coloca Deus em primeiro lugar terá felicidade que dura. Haddon W. Robinson

Inserida por 2019paodiario