Maria Dolores: SERVIR MAIS Alma querida, não fales De...

SERVIR MAIS

Alma querida, não fales
De mágua e ressentimento,
Ante o impacto violento
Da dor, onde quer que vás;
Esquece-te e prossigamos
No esforço de nosso nível,
Agindo quanto possível,
Para sustento da paz.

Além das áreas de angústia
Em que a penúria domina,
A prova se descortina
Onde sobram teto e pão;
Muito conforto que anotas
Traz lágrima escondida
E o ouro que enfeita a vida
Muitas vezes surge em vão.

O progresso se agiganta
Continente a continente,
A cultura exige frente,
Quer o gênio mais lugar;
Levantam-se arranha céus,
Océrebro ganha altura,
Mas ouve-se a desventura
Do sentimento a chorar.

Casas nobres abrem alas
Para vitória do estudo,
Mostra o povo anseio agudo
De vida Superior;
Mas o tóxico se espalha,
Sob lances infelizes,
O lar é um campo de crises
À míngua de paz e amor.

A guerra que vibra acesa,
De lado a lado do mundo
Feriu a golpe profundo,
A confiança no bem;
Medo Tensão amargura
Dos seres incompreendidos
São lágrimas e gemidos
Que atingem o mais Além.

Sigamos alma querida!..
Em dolorosos enganos,
Nos raciocínios humanos
A sombra alcança apogeus...
Elevemos ante o Cristo,
As forças do coração...
Toda a Terra em transição
Tem fome da luz de Deus.











e

1 compartilhamento
Inserida por Emmanuelcdd1339