Lua barros: Para/ George Henrique Bastos. Sozinho...

Para/ George Henrique Bastos.

Sozinho

Já estive no meio da multidão onde muitos diziam – se irmãos, onde mais existia amor foi onde senti uma das piores dores. “Eis que com o ferro fere com o ferro serás ferido”, fere o coração, fere à alma.
Sempre ouvi que é impossível ser feliz sozinho, que a vida é sempre cor de cinza quando não temos alguém para dividir alguns momentos em bons dias.
Sim, já estive acompanhado de pessoas agradáveis, desagradáveis, parceiros leais e desleais, a busca de nunca se sentir sozinho me fez engolir muita coisa a seco, no entanto, sempre fui desses que se entrega a fundo se for para amar por completo, ou até decepcionar-se por inteiro.
Estar sozinho consigo faz parte, parte de um autoconhecimento, e por mais que seja tão angustiante e solitário, de fato ser sozinho não nos traz nenhuma felicidade, mas um desafio de conviver com nossas próprias virtudes e defeitos. Ser sozinho não é uma escolha, afinal, ninguém quer estar sozinho nos momentos de frio, de indecisão, de calor humano.
Viver sozinho pode ser uma consequência dos rumos que a vida nos leva, isso faz com que cometamos alguns deslizes que pode nos custar caro.
Muitos dizem que é bom estar só, outros já pensam o contrário, e são tantas afirmações que chega a ser difícil se encaixar em uma delas.
Volto para dentro de mim e me olho sem embaraços, ás vezes o que vejo não agrada o outro, o que vejo no outro não me agrada, e vivendo eu consigo mesmo não corro o risco de ser desagradável.
E como já disse, estive na companhia de vários, e hoje tenho estampado na pele a traição de muitos.
Sei que dói estrar sozinho
Dói mais ainda estar na companhia de quem nunca teve paz.
Dói ser frio
Dóis mais ainda entregar-se por completo a quem nunca esteve inteiro
Dói ser alegre
Dói mais ainda quando doamos um sorriso a quem não sabe recebê-lo
E por mais que doa tudo isso, o que dói mesmo é comparar- se a quem não deve.
A cada dia sobrevivo com meus cigarros e minhas besteiras.

1 compartilhamento
Inserida por Bateforteotambor