Alexandre Klismann: Não desata esse nó. Não desvie o...

Não desata esse nó.

Não desvie o olhar…

Não largue minha mão.

Fica…


Meu corpo se acostumou ao seu.

Não permita que o amor seja saudade

de longe avisto a tempestade.

Fica…


Meu olhar suplica a tua volta

minhas mãos procuram as tuas,

meus dias são de amarguras.

Fica…


Não desista de mim

não desista do amor

preciso de ti,

ameniza minha dor.

Fica…


Os dias embaçados

as noites de insônia

vivo amargurado.

Fica…


Sem ti, os minutos são eternos

as noites são longas

os dias são de invernos

Fica…


A dor que lateja, incomoda.

A alma que rasteja implora.

O corpo exausto resiste

e chora…

Fica…

1 compartilhamento
Inserida por klismann