Edson Ricardo Czarneski: Esta noite, aqui sozinho Pensei em você...

Esta noite, aqui sozinho
Pensei em você
Olhando sua foto
Você tão linda
Ofuscando a beleza
do mar enquadrado ao fundo

Seu sorriso me devolve a vida
Vida que perdi em algum momento
Que nem me lembro mais ...
Os lábios pequenos e delicados
Com um detalhe divino no final
Como o toque final do artista

O brilho do seu olhar
Me lembra milhares de diamantes
De valor inestimável
Incalculável, inimaginável,
Cravados no castanho dos seus olhos
Olhos esses que emanam sentimentos

Seus cabelos brilham a luz do sol
Lembrando campos maduros de trigo
Reluzentes e tremulando ao vento
Vento esse que tem o privilégio
De roçar delicadamente você
Acariciando seu rosto

Você, tão menina
tão cheia de vida
Tão perto e tão longe
Tão amada sem saber
Tão desejada e esperada
Sem ao menos imaginar

Guardo comigo esse amor
Sozinho, admirando sua foto
E esperando
A vida ou a morte
A benção ou a maldição
Vivendo ... e sobrevivendo

Esperando ... Sempre ...
Vivendo desses versos
Amando em silêncio
Cheio de cicatrizes
Cheio de machucados
Mas com a esperança de ser amado ...

Um dia ...

1 compartilhamento
Inserida por edsonrczarneski