Ericson Alves: Não sou do 'Penso, logo existo', sou do...

Não sou do 'Penso, logo existo', sou do ser, estar, sentir. Posso mesmo existir sem sentir um mínimo do que é a vida? Seria uma existência vazia, um choro abafa... Frase de Ericson Alves.

Não sou do 'Penso, logo existo', sou do ser, estar, sentir. Posso mesmo existir sem sentir um mínimo do que é a vida?
Seria uma existência vazia, um choro abafado, interno, soluçando na minha cabeça; mas eu não consigo colocar pra fora e, talvez, nem queira. Meu orgulho é solitário e as palavras são afiadas demais pra compartilhar.
Converso com pessoas, sorrio, até mesmo gargalho... É uma máscara necessária. Não consigo, e não posso, permitir que o outro veja a nudez de sentimentos que há em mim. Meu corpo sentimental vem vestido de luzes vacilantes e dos meus olhos esvaecem as últimas gotas de vida. Mesmo assim estou de pé.
Não há mutualismo no sentimento, não há divisão de dores ou multiplicação de sorrisos, há apenas um mar de gente, tão cinzas e vazias quanto eu.

1 compartilhamento
Inserida por EricsonAlves