Poeta Dolandmay: À FLOR DE SILÊNCIO Te amo como nunca...

À FLOR DE SILÊNCIO Te amo como nunca amei antes Outro alguém cá onde vivo... Nos céus, as estrelas distantes São quais ouvem o amor que digo! Te amo qual a lua ... Frase de Poeta Dolandmay.

À FLOR DE SILÊNCIO

Te amo como nunca amei antes
Outro alguém cá onde vivo...
Nos céus, as estrelas distantes
São quais ouvem o amor que digo!

Te amo qual a lua dos amantes...
Por paixões, nas noites que abrigo!
Nos sonhos que a faz brilhante,
Eis recordar nosso amor antigo...

Te amo à voz de tua boca santa,
Por tu’alma que me acalanta
À espera de nosso amor distinto...

Te amo sem que a mim escutas;
Aos cantos de as flores mudas,
Por te amar que amar não minto!

1 compartilhamento
Inserida por acessorialpoeta