Poeta Dolandmay: VAIDADE Como posso dizer-te dos desejos,...

VAIDADE Como posso dizer-te dos desejos, Se em mim são loucos também! Como posso falar-te dos ensejos, Se me são iguais os que você tem?! Anseios! Que nos faz e... Frase de Poeta Dolandmay.

VAIDADE

Como posso dizer-te dos desejos,
Se em mim são loucos também!
Como posso falar-te dos ensejos,
Se me são iguais os que você tem?!

Anseios! Que nos faz enlouquecer,
Perder a razão, completamente!
Demências! Que nos faz sofrer,
Se não às tivermos dentre a gente!

Loucuras! Que dizer-te não podia,
Já que me são também em euforia...
Dentro d’alma, é dor e sofrimento!

Mas, falar-te de amor ao coração,
Talvez eu possa, dizer-te de paixão,
Já que me é igual por sentimento!

1 compartilhamento
Inserida por acessorialpoeta