Gilmar Fontes: "CORAÇÃO DE UM PEÃO" Do...

"CORAÇÃO DE UM PEÃO"

Do olhar da terra,eu jejo as alturas
Azul e verde do mar,eu vejo as ondas
Olhar vermelho do céu,eu vejo o sol
Sorrir louco e sem bombas,eu vejo a prudencia
Posso tocar no silêncio do dia,e ofuscar o brilho da noite
Voando e mudando meus sonhos,nem nehuma esperança
Vou indo como pássaros sem gaiolas,preso nos seus seios
Dia comum caminho com outras pernas lentamente

Onde estou parece o céu que não conheço,mas posso toca-lo.
Me sinto feliz como estrada sem curvas,e sem ribançeiras
Um cão sem coleira, dedo sem anel,uma noiva sem véu
Posso pegar a felicidade nas mãos,e coloca-la,em meu coração
E durmo na linha das águas,desertas só na escuridão
Limpo meus pensamentos com meus desejos
Com o repuxo do vento em te anseio os meus desejos
E isto basta,isso não basta,quero tocar em você,nem que seja apenas toca-la com as pontas dos dedos,e fraguimentar-me no seu amor,te amor
e ser seu possuidor,te fazer gemer sem sentir dor,me ama! me chama!!!
Diz o meu nome ao seu coração,embebeda-me,no teus amor,saceia minha paixão.,numa-te,permita-me,feirir o coração desse peão.

1 compartilhamento
Inserida por GmFontes