Andressa Fernandes: A tristeza as vezes vem me visitar. Bate...

A tristeza as vezes vem me visitar. Bate na porta do meu coração e quando abro, ela invade minhas memorias. Eu tento resistir, mas a tristeza é sempre tão rude. Lágrimas caem, devagar elas rolam pelo meu rosto anda quentes. Lembranças nem sempre são boas. Meus olhos ardem e minha visão fica embaçada. Na minha cabeça o mesmo filme de sempre é passado. Eu nunca tive medo da morte, mas a morte já me tomou muitas lágrimas. Essa tal tristeza não sabe brincar! Mas sempre esta brincando com meus sentimentos e me fazendo lembrar o que toda a noite eu tento esquecer. Um dia as lágrimas acabam, meu coração senti um aperto tão profundo que chego a confundir com um infarto. Talvez esse aperto seja só a tristeza me testando, porque eu preciso ser forte. Gostaria de saber se isso é verdade, se precisamos ser fortes sempre e porque somos testados várias e várias vezes. Até parece que sofrer faz bem. Depois de tudo, eu me sinto acabada, um pano de chão inútil e sem vida.
A tristeza vai embora, mas nunca diz "adeus". Pois eu e ela sabemos que ela sempre voltará.

1 compartilhamento
Inserida por AndressaFernandes