A. Zabote: “ Incerteza ” Faço porque existo ou...

“ Incerteza ” Faço porque existo ou existo porque faço? Insisto porque sei ou sei por que insisto? Nas curvas acentuadas decorrentes dos desvios. Sinto frios, c... Frase de A. Zabote.

“ Incerteza ”

Faço porque existo ou existo porque faço?
Insisto porque sei ou sei por que insisto?

Nas curvas acentuadas decorrentes dos desvios.
Sinto frios, calafrios e até mesmo arrepios.

Sei do que, mas não para o que designar.
Entre atos e fatos forçado sou a estagnar.

Aconteceu, tudo escureceu, mas logo clareou.
Isso é a certeza de que num simples ato de piscar tudo possa mudar.

1 compartilhamento
Inserida por azabote