Júlio Raizer: Presenteado pelos abraços de mãos...

Presenteado pelos abraços de mãos provocadoras e oferecendo meu ombro na forma de um abrigo de palpitações eu me vi sem reação. A explosão do movimento ressoava... Frase de Júlio Raizer.

Presenteado pelos abraços de mãos provocadoras e oferecendo meu ombro na forma de um abrigo de palpitações eu me vi sem reação. A explosão do movimento ressoava como fogos que anunciam um bom ano-novo. Quis pedir para o mundo congelar seu giro, matar seu tempo e estacionar sua viagem.

1 compartilhamento
Inserida por julioraizer