Pietro Kallef: Levante as mãos ao sol e peça...

Levante as mãos ao sol e peça liberdade para sentir, viver, ouvir sem preceitos, agir sem preconceito e acreditar pelo simples fato de acreditar. Ignore os pessimistas e diga o restrito e necessário, menos é sempre mais. Mova seu corpo para a direita e bruscamente para a esquerda, faça o seu próprio ritmo e saia do óbvio. Ande sobre as ruas e caia sobre novos obstáculos, deixe a rotina enlouquecer querendo te cessar. Chore lágrimas sinceras e cante a sua canção preferida sempre que a paciência lhe faltar, transporte-se para dentro de si quando a saudade bater e o desespero atingir seu ócio. Procure a paz nos animais, objetos e vegetais, exceto em pessoas, essas são inferno e corrosão, seja puro. Destrua sua moradia a qual crê que lhe protege e refaça tudo novamente e verás que sobrará peças no encaixe, que agora sua base sustentará sem tais, sem precisar, há muitas coisas e detalhes desnecessários, abstenha-se. Recicle-se, e beije seus pais e amores, sem nenhuma certeza do que será amanhã e depois de amanhã e o ano que vem. O real e paupável é o hoje, o agora. Nada de projetos, apenas projete-se sobre o mundo e divirta-se.

1 compartilhamento
Inserida por PietroKallef