Julio Aukay: Sempre celebrei o amor de cartas...

Sempre celebrei o amor de cartas marcadas, festejando o coração carente, contemplando o futuro que me aguarda;
Meu silêncio já esteve pior, mesmo tendo gente que machucasse meu ego e fazendo eu enxergar minhas desconfianças;
Porém os meus sentimentos são superáveis ao que nunca foram bons à mim;
Mesmo querendo alguém que eu pudesse confiar e ser só minha;

1 compartilhamento
Inserida por JULIOAUKAY