Diis A. S. Martins: O TEMPO! O tempo é fiel, ele sempre...

O TEMPO!

O tempo é fiel, ele sempre esta conosco.
Algumas vezes ao nosso lado, outras contra nós.
Quantas vezes você já se pegou esperando?
Esperando alguém?
Esperando algo?
Esperando o tempo passar?
E ele sempre passa não nos contradiz não nos deixa sem sua presença.
O tempo! Dizem que o tempo é companheiro, ele cura feridas, ele nos faz esquecer grandes amores, ele nos faz reféns de nos mesmos.
O tempo! Ele é traiçoeiro, ele esta sempre trazendo de volta o que já foi embora.
O tempo! Ahhh! Se pudéssemos voltar no tempo... O que faríamos com ele?
Talvez fizéssemos as mesmas coisas.
Talvez cometêssemos os mesmos erros.
Talvez fossemos mais felizes. Talvez...
O tempo de companheiro não tem absolutamente nada, ele sempre nos mostra que já esteve por aqui, ele sempre nos apresenta uma conta.
O tempo! Ele sempre é carrasco de nossas vidas.
Corremos atrás de tudo e ao final descobrimos que não temos mais...tempo.
O tempo! O tempo só vai e um dia nos pegamos desejando que o tempo passe que ele vá, porem quando ele passa... quando ele passa nos pegamos desejando que ele volte. Só que se da primeira vez ele passa na segunda ele não volta.
O tempo! Ele cura feridas, ele é companheiro, ele nos faz esquecer grandes amores, ele nos faz reféns de nós mesmos.
Quando é que o tempo cura as feridas?
Quando já estamos prontos?
Ou quando tudo que nos resta e continuar?
Quando é que o tempo é companheiro?
Quando não temos ninguém?
Quando alguém que se ama vai embora?
Ou quando tudo que temos a nossa volta é o tempo de esperar?
Quando é que é que o tempo nos faz esquecer grandes amores?
Quando depois de muito tempo já nos conformamos?
Quando tudo o que podemos fazer é esquecer?
Ou quando tudo que resta é nos conformar?
Quando é que ele nos faz reféns de nós mesmos?
Quando olhamos em volta e tudo que vemos tem a figura de quem já foi embora?
Quando depois de muito tempo ainda sentimos a sua presença?
Ou quando deixamos quem de fato nos ama pra sonhar que aquele grande amor pode um dia voltar?
O tempo! Ele até pode curar feridas, mas são feridas do corpo e não da alma ou do coração.
O tempo! Ele até pode ser companheiro, porem não nos acompanha quando gostaríamos que ele parasse nossa emoção.
O tempo! Ele até nos faz esquecer grandes amores, mas quando esse amor fica nos rodeando ele não funciona, porque afinal ele passa e não leva com ele a paixão.
O tempo! Ele consegue nos fazer sentir reféns, ele nos faz sentir inúteis, ele nos deixa pensar que ele tudo vai resolver, mas no fim tudo o que restou foi que ele passou, nada mudou e nós estamos ainda reféns de um coração que se deixou levar por uma emoção e que ao final não passou de uma grande mas inútil paixão...

1 compartilhamento
Inserida por desencantos