Coleção pessoal de JohnnyDeCarli

41 - 60 do total de 1136 pensamentos na coleção de JohnnyDeCarli

“O amor incondicional será o princípio orientador para uma sessão de canalização de Reiki, tudo o que temos a fazer é alcançá-lo, ele emerge espontaneamente de um nível mais profundo quando mudamos atitudes provenientes de nosso ego.”

“O amor não pode ser inventado ou criado, ele já existe por si mesmo dentro de cada um de nós, muitas vezes oculto sob máscaras mais profundas de nosso ser. Essa centelha de amor está em ressonância perfeita com a energia Reiki, porque pertence à mesma Fonte.”

“Podemos comparar um Reikiano a uma mangueira de jardim, só que, em vez de água, o que jorra é a Energia Cósmica de Amor. Se tencionarmos uma mangueira de borracha, a água não fluirá à vontade. Da mesma forma, ao ativar o ego, bloquearemos o fluxo de Reiki.”

“Numa aplicação de Reiki, a primeira coisa a fazer é renunciar ao ego, libertar nossos desejos egoístas para atingir um estado de Unicidade, de quietude, um ponto de referência estável onde podemos nos sentir verdadeiramente integrados e conscientes em relação ao que vamos fazer.”

“Numa aplicação de Reiki, tudo o que temos de fazer é aceitar para que a Energia caminhe dentro de nós e desenvolver a boa vontade e a consciência de ser somente parte integrante do processo.”

“Na prática do método Reiki, o Reikiano deve aprender a deixar a energia fluir através dele, desenvolvendo um posicionamento passivo em relação aos resultados, evitando a tentação de querer comandar a Energia ou forçá-la a se manifestar.”

“Na prática do método Reiki, se o Reikiano se julga o responsável pelo resultado das aplicações, pode achar, por consequência, que tem todas as coisas sob o seu controle e que pode fazer o que, na realidade, não está ao seu alcance.”

A energia Reiki, responsável pelo restabelecimento da saúde, não vem do ego, ele não pode fazê-la fluir. O ego é parte de nós mesmos, gera bloqueios que estão sujeitos a interferir negativamente na capacidade terapêutica do Reikiano.”

“Na prática do método Reiki, é muito comum alguns Reikianos, presos ao ego, comportarem-se como uma autoridade junto ao receptor. Ver o receptor como alguém inferior é péssimo para o resultado da sessão. O entendimento de igualdade é fundamental."

“Na prática do método Reiki, percebemos que, quando nos conectamos com a Energia de Amor do Universo, passamos a não fazer julgamentos precipitados e esse Amor nos ajuda a perceber o lado humano e as virtudes dos outros.”

“No Caminho do Reiki, percebemos que, independente das raças, somos todos seres humanos e constituímos uma grande família, criada pela mesma Fonte.”

“No Caminho do Reiki, percebemos que aquilo que nos desagrada ou não aceitamos nos outros pode ser a indicação da nossa própria negação, ou seja, entramos em contato com nossos próprios defeitos, radicalmente negados e dissimulados dentro de nós.”

“A misteriosa energia Reiki é capaz de atravessar qualquer barreira física: roupas, um molde de gesso, paredes, etc. Em verdade, o espaço sólido é vazio, só que não percebemos isso com nossos limitados olhos.”

“Na prática e no ensino do método Reiki, Deus nunca nos dá uma missão espiritual que nos seja impossível cumprir.”

“Na prática do método Reiki, quando não julgamos ou criticamos o comportamento das pessoas, vemos o lado divino, puro e maravilhoso que existe dentro de cada um.”

“Na prática do método Reiki, às vezes, a melhor forma de ajudar é ficando calado, mantendo a atitude de ouvinte. Escute, escute e escute.”

“No Caminho do Reiki, a sorte caminha, lado a lado, com os Reikianos determinados.”

“Na prática do método Reiki, saber ouvir é importante. Muitos precisam de um ouvinte solidário, para que possam externar seus problemas e dificuldades.”

O Reiki é, antes de tudo, um ato consciente de intervenção terapêutica, no qual é essencial a presença do terapeuta, o veículo através do qual a Energia Universal é captada e apropriadamente transmutada (adensada) para ser usada pelo receptor.”

“Quando um Reikiano condena a prática do Reiki de outro, ele deixa de praticar a dele.”