Coleção pessoal de FrancieleMorgado

61 - 80 do total de 141 pensamentos na coleção de FrancieleMorgado

O hábito de observar o próprio comportamento nos faz reconhecer a necessidade de mudar!

Franciele Morgado

Se Jesus carregou uma cruz por amor a nós, por que não podemos carregar a nossa cruz por amor a ele?

Franciele Morgado

Quem propaga luz sabe bem o valor de mantê-la acesa!

Franciele Morgado

Eu mergulho no meu silêncio porque nele não me afogo!

Franciele Morgado

Aquele que se ausenta do senhor durante a dificuldade, na realidade nunca acreditou em seu poder!

Franciele Morgado

A pior guerra que existe é aquela na qual lutamos com um inimigo que não pode ser visto!

Franciele Morgado

Calar um sentimento é um suicídio lento!

Franciele Morgado

O julgamento que fazemos sobre algo ou alguém tem o peso da nossa ignorância!

Franciele Morgado

Não fique a espera de um milagre se você não sabe reconhecer o milagre da vida!

Franciele Morgado

O maior investimento que um ser humano pode fazer é aplicar em conhecimento, pois seu rendimento é tão alto que enriquece qualquer área da vida!

FrancieleMorgado

O ser humano precisa entender que: Amar não significa tomar posse de alguém, mas sim em conquistar todos dias o amor da pessoa com quem se compromete em fazer feliz!

Franciele Morgado

Amar é um caminho no qual não permite atalhos!

Franciele Morgado

Se a vida fosse feita de escolhas certas, o povo teria escolhido libertar Jesus e não Barrabás!!!

Franciele Morgado

O melhor da vida a gente não ganha, conquista!

Franciele Morgado

Jesus é minha luz, por isso não conheço a escuridão!

Franciele Morgado

Máquinas possuem manual de instrução, pessoas necessidades!

Franciele Morgado

Como eu não posso contar as estrelas me basta apenas admirá-las.

Franciele Morgado

Não é fácil receber críticas, no entanto é necessário saber ouvi-las!

Franciele Morgado

O universo do conhecimento é fantástico nos permite viajar no tempo e no espaço.

Franciele Morgado

O passado é algo que não pode ser resgatado, apenas permanece acessível em nossa memória!

Franciele Morgado